Atlético GoianienseGoiás Esporte ClubeVila Nova

twitterfacebookyoutubeinsta-bordarssemail

Vila Nova

Sexta, 03/08/2012 23h26 - 
Eric Xavier

jorge-saran2-leoiranO técnico do Vila Nova, Jorge Saran comanda o time contra o Caxias-RS neste domingo (05), às 15h no estádio do Centenário, pela 6ª rodada do campeonato Brasileiro da série C e fará três alterações na equipe. Nego volta à a lateral-direita, o volante Éderson entra no lugar de Matheus Magro e o atacante Gilcimar será o novo companheiro de ataque de Pedro Júnior.

O Tigrão entra em campo com Júlio César; Toninho, César Gaúcho e Rafael Vaz; Nêgo, Éderson, Ricardinho, Rafael Carioca e Reivan; Pedro Júnior e Gilcimar. O treinador explicou que Marcelo fica de fora devido a uma contusão, por isso Nego ganha a posição. Outro jogador que volta ao elenco colorado é Evandro.

“O Marcelo fazia muito tempo que não jogava e sentiu o jogo contra o Tupi-MG. E um bom jogador só que está muito tempo sem jogar, tanto é que sentiu uma contusão nesse jogo e nos treinamentos e por isso esta fora e o Nego vai dar uma experiência maior. Um jogador que no jogo contra o Duque apoiou muito fez um bom primeiro tempo e depois sentiu a contusão. Então, é um jogador que volta a titular, e temos o Evandro que esta voltando de contusão e pode brigar pela posição também”, disse.

Saran ressaltou que a entrada do volante Ederson ajudará nas bolas aéreas. “Ederson é um jogador experiente, um jogador muito bom na bola aérea e é o que eles vão tentar nos surpreender, é típico do Caxias, típico do Sul, jogar por essa ligação direta e brigar pela segunda bola. O Ederson além de ter um posicionamento bom na frente do zagueiro nessa bola aérea, tem um passe muito bom. O que estou pedindo para ele é conduzir tanto o Ricardo como o Rafael Carioca, então vou colocá-los como meias para chegarem por trás", comentou.

Parao treinador, Gilcimar vai fazer com que o time tenha alguém de referência dentro da grande área. "O Gilcimar na frente é um jogador que faz essa parede na frente que facilita bastante para segurar essa bola. O Pedro é um jogador que gosta de movimentar e não ficar fixo e por causa disso perdemos muito essa referência, porque o Pedro sai e ficamos sem ninguém lá dentro (grande área) e o Gilcimar ficando lá dentro vai dar essa opção para que o Pedro possa se movimentar e vim de trás”, concluiu.