Atlético Goianiensebrasao-goias-3Vila Nova
appleandroidtwitterfacebookyoutubeinsta-bordaemail

Foto: Zero Hora
punta del este zero hora
Ao sul do Brasil, o Uruguai é uma pequena terra de muita riqueza. Independente há pouco menos de 200 anos, se desenvolveu muito bem ao longo dos anos, apesar da sua limitada área e baixa população. A República Oriental do Uruguai, além de uma das principais exportadores de carne nobre no mundo, tem nas lutas sociais seu maior destaque atualmente, não apenas na América Latina, onde lidera em ensino, saúde, desenvolvimento humano e uma forte economia.

A primeira ocupação europeia na terra onde hoje se localiza o país se deu pelos portugueses, provenientes do Brasil, no final do século XVII. Possessão então passada aos espanhóis no século seguinte. Sua independência, contudo, aconteceu na primeira metade do século XIX depois de uma série de guerras e conflitos especialmente entre uruguaios, argentinos e brasileiros, dada a riqueza da área.

Desde sua fundação teve os princípios liberais muito fortes, mesmo durante o período da Guerra Grande e o posterior domínio militar. Durante essa época, desenvolveu sua população especialmente através de imigrantes italianos e espanhóis, hoje grande parte da formação demográfica do país. Através da influência europeia teve grande crescimento econômico, muito pela pecuária, pela característica criação de bovinos.

Foto: Wikimedia
mapa uruguai wikimedia
No século XX, viveu períodos de instabilidades, desde a Grande Depressão, afetando bastante sua economia, a Segunda Guerra Mundial, servindo de abrigo para exilados, como poloneses, franceses e alemães, principalmente de origem judia. Entre os anos 50 e 60, teve seu maior período de pobreza pela queda das exportações e pouca oferta de emprego, levando à lutas sociais, como a dos Tupamaros, que eventualmente iniciaram luta armada contra o governo.

Desde então passou do estado de emergência à ditadura militar. Um dos principais alvos da Operação Condor, pela aproximação ao socialismo, viveu por doze anos sob o subjugo dos militares, sendo um dos países latinos que mais sofreu com mortes e torturas. Restabelecida a democracia nos anos 80, levou pelo menos duas décadas para recuperar a economia, através do governo de Tabaré Vázquez.

Política seguida por José Mujica, que sofrera durante a ditadura militar, também do Frente Ampla. Pepe acabou se transformando em uma grande figura mundial pelos avanços sociais do seu governo, seguindo o histórico pioneiro do seu país. O Uruguai foi o segundo país americano a conceder o direito ao voto às mulheres e o primeiro ao divórcio. Também foi o primeiro sul-americano a legalizar a união civil por pessoas do mesmo sexo e adoção homoparental. Mais recentemente, foi o primeiro no mundo a legalizar o cultivo, a venda e o consumo da cannabis.

Sede do Mercosul, hoje o Uruguai tem uma economia estável, não sofrendo com as recentes crises econômicas, se destacando com um PIB relativamente alto para um país que basicamente se sustenta através da pecuária, por seus cortes nobres bovinos, do turismo, com destaque para as praias ao redor de Montevidéu e Punta del Este, além de receber muitos investimentos financeiros, por sua tributação privilegiada. Ainda lidera em qualidade de vida na América do Sul. Somado a isso, um povo muito simpático e, como nós brasileiros, fanáticos por futebol.

Rádio 730 e Portal 730 serão os únicos veículos de imprensa de Goiás presentes no duelo entre Uruguai e Brasil, em Montevidéu-URU, com os repórteres Juliano Moreira e Arthur Magalhães.

carregando...

Ouça a 730
apple android
(62) 98400-1757