Atlético Goianiensebrasao-goias-3Vila Nova
appleandroidtwitterfacebookyoutubeinsta-bordaemail

Foto: Gerliézer Paulo / Portal 730
eduardo prado
O vereador Eduardo Prado (PV) é mais um a se posicionar como independente na Câmara de Goiânia. Em entrevista à Rádio 730, ele afirmou que não faz parte da base de Iris Rezende, em que pese o Partido Verde ter fechado apoio ao Prefeito Iris Rezende.

"O meu posicionamento não é de base, é de independência. Eu não tenho nenhum cargo indicado na prefeitura de Goiânia", afirma o parlamentar.

Ouça a entrevista completa de Eduardo Prado:

Eduardo diz que pretende ajudar o prefeito nos bons projetos apresentados, mas que votará contra quando as matérias não favorecerem a população goianiense. O vereador disse que aceitaria indicar cargos na prefeitura, desde que fossem cargos técnicos e que não fosse obrigado a votar com o Paço Municipal por conta das indicações.

Câmara

O parlamentar do PV aponta que Iris Rezende terá uma maioria significativa na Câmara, e que a oposição carrega uma ligação com o governo estadual.

Em relação à eleição para presidência da Câmara. Eduardo disse que participou de reuniões com o empresário Leopoldo Veiga Jardim, apontado por alguns vereadores, como representante do setor imobiliário. Mas o vereador negou que qualquer tipo de apoio foi pedido por Leopoldo.

De acordo com Eduardo Cunha, Leopoldo foi apenas alguém que intermediou os contatos entre os parlamentares, com o objetivo de evitar algum tipo de ciúme, caso algum vereador tomasse frente das negociações.

CEI

O plenário da Câmara aprovou uma investigação nas contas das prefeituras dos últimos oito anos. Eduardo diz que votou favorável a criação da Comissão Especial de Investigação (CEI) devido a indícios de irregularidades como salários dos servidores atrasados, informações de déficits e de desvios. "O que passa para toda a sociedade é que a prefeitura está totalmente quebrada. Então se está quebrada, algo está errado", justifica.

carregando...

Ouça a 730
apple android
(62) 98400-1757