Atlético Goianiensebrasao-goias-3Vila Nova
appleandroidtwitterfacebookyoutubeinsta-bordaemail

Foto: RMTC/Divulgação
rmtc
O vereador Clécio Alves (PMDB), requereu na Câmara Municipal de Goiânia, a criação de uma Comissão Especial de Inquérito (CEI), para investigar o transporte coletivo na grande Goiânia. De acordo com o peemedebista, são inúmeras reclamações apresentadas à respeito da má qualidade na prestação de serviços das empresas.

“É o pior transporte público do país. Uma das tarifas mais caras que nós temos hoje são cobradas. É um serviço que a pessoa paga primeiro para depois usá-lo, não vende viado, não paga a não ser com dinheiro. Então deixa tudo a desejar, falta de ônibus, veículos de péssima qualidade, falta de segurança, de respeito com o usuário, inúmeras são as falhas que existem”, enumera.

Outros vereadores já haviam abordado o assunto anteriormente, como Alysson Lima (PRB)  e Jorge Kajuru (PRP). Este último é mais incisivo e pede inclusive que a prefeitura de Goiânia cancele o contrato com as empresas do Transporte Coletivo, caso o serviço passe por melhorias.

“Nova licitação significa romper o contrato com a atual empresa. Ou começa tudo do zero e eles aceitam, ‘eles’ que eu falo, os donos do cartel do transporte coletivo em Goiânia aceitam a melhoria deste transporte que nem gado aceita. Então tudo isso está no meu requerimento, que é completíssimo, é inquestionável”, pondera.

O parlamentar do PRP apontou ainda irregularidades na prestação de serviços das empresas e questiona a duração do contrato firmado entre a prefeitura e os empresários. Kajuru afirma também que pleiteia participar da Câmara Deliberativa de Transportes Coletivos (CDTC).

Com informações do repórter Jerônimo Junio

carregando...

Ouça a 730
apple android
(62) 98400-1757