Atlético Goianiensebrasao-goias-3Vila Nova
appleandroidtwitterfacebookyoutubeinsta-bordaemail

Depai, no Setor Jardim Goiás (Foto: Google Street View)
depai
A mãe do adolescente que atirou contra os colegas de classe matando dois e deixando outros quatro feridos no Conjunto Riviera há uma semana não prestou depoimento nesta sexta-feira (27).

A previsão era de que a mulher, que é sargento da Polícia Militar (PM) e proprietária do revólver utilizado pelo filho no atentado, fosse ouvida na manhã desta sexta-feira (27) na Delegacia de Polícia de Apuração de Atos Infracionais (DEPAI), no Jardim Goiás.

De acordo com a defesa da mãe do adolescente, ela ficou à disposição do Juizado da Infância e da Juventude, onde o menor atirador foi ouvido e que, por esse motivo, não pôde comparecer à delegacia. Há a possibilidade de o depoimento ser realizado na segunda-feira (30).

 

Ouça a 730
apple android
(62) 98400-1757