Atlético Goianiensebrasao-goias-3Vila Nova
appleandroidtwitterfacebookyoutubeinsta-bordaemail

gasolinaO Procon Goiás identificou nesta semana mais uma situação de descaso com o consumidor no comércio de combustíveis em Goiânia. Desta vez, o posto autuado fica no Bairro São Francisco, região noroeste da capital. Segundo o órgão, a suspeita é de que o estabelecimento esteja adulterando a mistura da gasolina com etanol.

A lei permite que apenas 27% de etanol seja misturado à gasolina. No entanto, no posto autuado, foi encontrada uma concentração de 42% de álcool, como explica o gerente de Fiscalização do Procon Goiás, Marcos Rosa.

O percentual da mistura de 25% para 27% foi determinado pelo governo federal em março de 2015. Quanto mais etanol na gasolina, maior o risco de problemas no motor do veículo como corrosão, falhas na bomba de combustível e aumento do consumo, principalmente em modelos mais antigos sem injeção eletrônica.

De acordo com o gerente de fiscalização, o dono do estabelecimento no Bairro São Francisco afirmou aos agentes que a mistura acima do permitido foi feita por engano, por erro de um dos funcionários.

As bombas de combustível que apresentaram problemas foram interditadas. Marcos Rosa ressalta ainda que o Procon Goiás vai acionar a Delegacia Estadual de Repressão a Crimes Contra o Consumidor (Decon) para investigar a possível fraude.

Com informações do repórter Jerônimo Junio

Ouça a 730
apple android
(62) 98400-1757