Atlético Goianiensebrasao-goias-3Vila Nova
appleandroidtwitterfacebookyoutubeinsta-bordaemail

CNH's apreendidas durante operação neste final de semana (Foto: Johann Germano/Portal 730)
cnhsvillamix
Misturar bebida alcoólica e direção tem sido uma prática constante nas rodovias. Em dias de grandes festivais, as ocorrências aumentam ainda mais. Neste final de semana não foi diferente.

A Polícia Rodoviária Federal (PRF), em conjunto com a Polícia Civil, flagrou 147 motoristas dirigindo embriagados neste sábado e domingo, na BR-153, no perímetro urbano de Goiânia. De acordo com o Inspetor Rodrigo Lôbo, mais da metade dos motoristas confirmaram que haviam ingerido bebida alcoólica durante o festival Villa Mix, que aconteceu no estacionamento do Estádio Serra Dourada.

Esta foi a maior operação realizada para combater a prática de embriaguez ao volante. Ao todo, 100 policiais foram mobilizados na ação, e 420 motoristas fizeram o teste do bafômetro. O inspetor destaca que as mudanças na lei como o aumento dos valores da multa parecem não inibir os infratores.

Dos 147 reprovados no teste, seis foram presos, sendo dois deles motoristas do aplicativo Uber, que estavam em serviço. Um deles afirmou que chegou a fazer diversas corridas antes de ser flagrado, como explica a titular da Delegacia Estadual de Investigação de Crimes de Trânsito (Dict), Nilda Andrade.

A delegada afirmou que a empresa Uber deverá ser notificada dos flagrantes. Os valores das multas para quem dirige embriagado variam de R$ 1 mil e R$ 3 mil. No caso dos dois motoristas do aplicativo, cada um foi multado em R$ 2.934, além de perder 7 pontos na carteira e ter suspenso o direito de dirigir.

As carteiras nacionais de habilitação (CNH) apreendidas podem ser retiradas pelos motoristas na sede da PRF no Jardim Guanabara até sexta-feira (7), e depois serão enviadas ao Departamento Nacional de Trânsito (Detran) dos respectivos municípios de origem.

Com informações do repórter Johann Germano

Ouça a 730
apple android
(62) 98400-1757