Atlético Goianiensebrasao-goias-3Vila Nova
appleandroidtwitterfacebookyoutubeinsta-bordaemail

Foto: Reprodução/ Internet
lucasmariano
O estudante do 5º período de Medicina Veterinária da Universidade Federal de Goiás (UFG), Lucas Silva Mariano, de 21 anos, morreu no sábado (24), no Campus II da UFG. Ele caiu no misturador de ração animal, durante uma atividade de rotina no confinamento experimental de bovinos de corte da Escola de Veterinária e Zootecnia (EVZ).

Segundo informações divulgadas pela UFG, o Corpo de Bombeiros foi acionado mas o rapaz não resistiu. As circunstâncias da morte de Lucas estão sendo investigadas pela Polícia Civil. 

O corpo de Lucas Mariano foi enterrado neste domingo (25), no Cemitério Jardim das Palmeiras, em Goiânia. Centenas de pessoas acompanharam o sepultamento. A UFG decretou luto oficial pela morte do estudante e se pronunciou sobre o caso por meio da seguinte nota:

"A Universidade Federal de Goiás (UFG) lamenta profundamente a morte do estudante de Veterinária vítima de um acidente no setor de confinamento bovino da Escola de Veterinária e Zootecnia (EVZ), no Campus Samambaia, na tarde deste sábado (24/06). A Polícia Técnico-Científica está no local para apurar as causas do acidente. O reitor Orlando Amaral também esteve no local e, junto a direção da EVZ, dará todo o respaldo às investigações".

O governador Marconi Perillo também prestou solidariedade à família do estudante por meio de nota:

“Manifesto minha integral solidariedade à família, aos amigos e colegas de academia do estudante de Medicina Veterinária da Universidade Federal de Goiás (UFG), Lucas Silva Mariano, e ao reitor da instituição, Orlando Afonso Valle do Amaral, pela tragédia ocorrida nesta tarde.

O Governo de Goiás está inteiramente à disposição da UFG e dos familiares para o que for necessário e manifesta seu profundo pesar pelo ocorrido. Valéria e eu nos juntamos aos familiares, amigos e colegas de universidade nas orações em prol de Lucas Silva Mariano, que estava estudando para realizar seu sonho de ser médico veterinário.”

Ouça a 730
apple android
(62) 98400-1757