Atlético Goianiensebrasao-goias-3Vila Nova
appleandroidtwitterfacebookyoutubeinsta-bordaemail

Foto: Reprodução/Whatsapp
assaltoscola
Mais uma escola é vítima da criminalidade na região metropolitana. Desta vez, assaltantes invadiram a Escola Municipal Francisco Rafael Campos, no Setor Conjunto Planície, em Aparecida de Goiânia.

O crime aconteceu na tarde desta terça-feira (23). Segundo testemunhas, por volta das 15h, dois homens armados chegaram em uma moto e entraram na unidade de ensino.

Imagens de uma câmera de segurança mostram o momento em que um dos suspeitos entra em uma sala e aborda um dos funcionários da escola. O assaltante saca um revólver, pega o celular da vítima e em seguida encosta o cano do revólver no pescoço do homem.

Antes de sair da sala, o suspeito ainda ordena que o funcionário se deite no chão. Ainda não há informações sobre feridos.

Por meio de nota, a secretaria de Educação e Cultura de Aparecida de Goiânia informou que vai enviar as imagens das câmeras do circuito interno da escola para as forças de segurança para identificar os suspeitos e pediu a intensificação de ronda da Guarda Civil. 

A secretaria informou ainda que vai encaminhar uma psicóloga à unidade para ouvir os funcionários agredidos. Nenhum objeto da escola foi roubado.

Leia a nota na íntegra:

"A secretaria de Educação e Cultura de Aparecida de Goiânia informa que está tomando todas as providências para elucidação do caso, tais como repassando as imagens das câmeras de segurança para as forças de segurança a fim de identificar os invasores. Para atender os profissionais que foram agredidos, a secretaria encaminhará uma psicóloga à unidade e como nenhum objeto da escola foi roubado, as aulas ocorrerão normalmente amanhã. A secretaria ressalta ainda que vivemos um momento de insegurança, tanto em Goiás quando no país, e que tem feito a sua parte que é instalar câmeras de segurança e alarmes nas unidades e que já pediu uma ronda mais ostensiva por parte da Guarda Civil. 

Já a Guarda Civil informa que está de posse das imagens do circuito de segurança da unidade escolar e que já começou as investigações primárias e levantamento de dados do ocorrido e após isso encaminhará o ocorrência para a Polícia Civil.  Também será realizada a intensificação das rondas na região da escola, incluindo abordagens a suspeitos. "

Veja o vídeo

 

Ouça a 730
apple android
(62) 98400-1757