Atlético Goianiensebrasao-goias-3Vila Nova
appleandroidtwitterfacebookyoutubeinsta-bordaemail

Suspeito disse à polícia que comprou veículo por R$ 1,5 mil (Foto: PRF/Divulgação)
abrilmarco
Um agricultor de 50 anos poderá se livrar das multas aplicadas a um veículo modelo VW Gol, de cor prata, que teve as placas furtadas em Uruaçu, no mês de novembro de 2016.

Isto porque na tarde desta sexta-feira (31), agentes da Polícia Rodoviária Federal (PRF), durante patrulhamento na área urbana de Aparecida de Goiânia, na BR-153, deram ordem de parada para o condutor de um VW Gol e, ao solicitar sua documentação, entregou apenas a carteira de identidade.

Ao fiscalizar o carro, os agentes constataram que o veículo foi roubado no final do ano passado em Rianápolis, a 183 quilômetros ao norte de Goiânia, e que as placas de identificação pertenciam a um veículo de Uruaçu.

Os policiais descobriram ainda que o documento de identidade apresentado pelo condutor do veículo, de 29 anos, era falso e pertencia, na realidade, a um homem morto em 2015.

Com a identificação verdadeira do suspeito, a PRF constatou que este possui várias passagens pela polícia e era procurado pela Justiça. O homem relatou aos agentes que sabia que o veículo era uma " imbira", termo utilizado para carro com documentação enrolada, e que havia comprado o Gol de um desconhecido pelo valor de R$ 1,5 mil.

Posteriormente, a polícia entrou em contato com o dono do carro que teve as placas roubadas em Uruaçu, e este informou que de novembro de 2016 até março de 2017, recebeu 15 notificações de multas ocorridas em Goiânia, Anápolis e Aparecida de Goiânia.

A isenção das multas só foi possível porque o agricultor procurou a PRF e registrou o furto das placas no Sistema Alerta. Os nomes não foram divulgados pela polícia.

Homem apresentou documento de identidade de homem morto (Foto: PRF/Divulgação)
abrilmarcor

Ouça a 730
apple android
(62) 98400-1757