Atlético Goianiensebrasao-goias-3Vila Nova
appleandroidtwitterfacebookyoutubeinsta-bordaemail

Foto: Divulgação/ PRF
patioprf
Cerca de 700 veículos, entre automóveis e motocicletas, foram prensados no pátio do posto da Polícia Rodoviária Federal (PRF) em Hidrolândia na manhã desta terça-feira (28).

Os veículos, que estavam recolhidos no pátio e foram classificados como sucata, foram arrematados em leilão por uma siderúrgica. Segundo a PRF, antes da prensagem os veículos passam por um processo de descontaminação - remoção de todos os fluidos - e posteriormente são triturados.

De acordo com a Polícia Rodoviária Federal, essa modalidade de leilão impede que veículos sem as mínimas condições de segurança voltem a circular. Além disso, depois de prensadas as peças vão para a reciclagem e retornam ao mercado como material reciclado, impedindo que esses veículos fomentem o mercado ilegal de peças e carros furtados ou roubados.

Ainda segundo a PRF, mesmo após os veículos serem leiloados e prensados, as dívidas de multas e documentação continuam no prontuário do proprietário. De acordo com a nova legislação, os veículos apreendidos e não procurados no prazo de 60 dias podem ir a leilão.

O primeiro leilão do ano arrematou cerca de 2.600 veículos e a expectativa dos agentes é de que, até o final de 2017, outros cinco mil veículos tenham a mesma destinação. A empresa que está realizando o processo já passou pelas unidades da PRF em Catalão, Morrinhos, Itumbiara, São Simão, Jataí, Rio Verde e Guapó.

Com informações da PRF

Foto: PRF/Divulgação
prensagem

Ouça a 730
apple android
(62) 98400-1757