Atlético Goianiensebrasao-goias-3Vila Nova
appleandroidtwitterfacebookyoutubeinsta-bordaemail

Foto: Polícia Civil/Divulgação
quadrilhaa
A Delegacia Estadual de Investigações Criminais (Deic), por meio do Grupo de Repressão a Estelionato e Outras Fraudes, desarticulou uma quadrilha suspeita de aplicar o golpe conhecido como “Bença Tia”, aplicado pelo celular.

Entre os presos estão Wanderson Inácio da Silva, Ênio Dias Martins, Eugênio Batista Rosa Neto, Igor Rodrigues Camargo Barbosa, Adriano Evangelista dos Santos, Gilvan Gomes dos Santos, Neide Naura Cedro de Souza, Fabiana Santos da Silva e Polliana Lívia Borges de Oliveira.

As vítimas do golpe são dos estados de Goiás, Ceará, São Paulo, Paraíba, Pernambuco e Pará. Segundo a Polícia Civil (PC), 16 pessoas foram presas nas cidades de Inhumas, Aparecida de Goiânia, Trindade e na capital.

Segundo a delegada Mayana Rezende, os crimes eram aplicados de dentro do presídio de Aparecida de Goiânia e a quadrilha lucrava cerca de R$ 50 mil por ano.

Confira a reportagem completa de Jerônimo Junio

Ouça a 730
apple android
(62) 98400-1757