Atlético Goianiensebrasao-goias-3Vila Nova
appleandroidtwitterfacebookyoutubeinsta-bordaemail

Foto: Reprodução/ Internet
pcgo
A Polícia Civil do Estado de Goiás (PC-GO) divulgou a prisão de Dinamor Cândido Oliveira, pelo crime de homícidio qualificado. Dinamor é suspeito de torturar a vítima, José Lucas Soares dos Santos, após uma festa de aniversário no ano de 2015.

A aniversariante em questão seria a enteada de Dinamor Oliveira, cuja identidade não foi revelada. José Lucas Soares, convidado por um amigo da aniversariante, teria discutido com o suspeito durante a festa.

Segundo a Polícia Civil, na manhã seguinte à festa Dinamor trancou os próprios familiares e José Lucas na residência, dando início às torturas que levaram a vítima a óbito. O corpo de José Lucas Soares foi encontrado três dias depois, com sinais de tortura pesada (queimado, amarrado, mutilado) em Guapó.

De acordo com o delegado responsável pelo caso, Arthur Fleury, as motivações do crime ainda estão sendo investigadas. “A motivação é desconhecida porque ele sempre nega a participação no crime e ele não conhecia a vítima. Estamos trabalhando para solucionar o caso.”

Ainda segundo o delegado, a polícia não descarta a hipótese de que Dinamor não tenha agido sozinho. “Tem um suspeito de participação que ainda não foi identificado. Acreditamos que a vítima levou dois a três dias para morrer após as torturas.” afirma

Ouça a 730
apple android
(62) 98400-1757