Atlético Goianiensebrasao-goias-3Vila Nova
appleandroidtwitterfacebookyoutubeinsta-bordaemail

Foto: Divulgação
vacinabcg
No dia 1º de julho é comemorado o Dia da Vacina Bacilo Calmette-Guérin (BCG), utilizada para prevenção da tuberculose. A doença é contagiosa, transmitida por meio da saliva ou objetos contaminados, e ataca principalmente os pulmões.

Atualmente, a doença já tem cura. O problema é que, sem diagnóstico ou tratamento adequados, pode levar à morte ou deixar sérias sequelas no paciente. Por isso, o Ministério da Saúde adota, desde 1976, a obrigatoriedade da vacina que faz parte do Calendário Básico de Vacinação.

Normalmente, a vacina é aplicada logo no primeiro mês de vida do bebê e é disponibilizada para crianças com até cinco anos ainda não vacinadas. Esta vacina é a que deixa uma marquinha no braço, a cicatriz é um dos indícios de que o organismo está protegido.

'É essencial que os pais tenham noção da importância da vacina na saúde de seus filhos', ressalta o superintendente de Vigilância em Saúde da Secretaria Municipal de Saúde (SMS) de Goiânia, Robson Azevedo.

Segundo dados da Vigilância Epidemiológica da SMS, no ano de 2016 foram imunizadas 11.476 crianças e 5.493 no primeiro semestre de 2017. Os frascos da vacina BCG possuem 10 doses e, após a abertura do mesmo, a vacina vence em apenas 6 horas.

Dessa forma, desde 2015 a vacina BCG passou a ser aplicada em dias alternados para melhor aproveitamento do frasco. O cronograma da vacinação pode ser acessado no link abaixo.

Com informações da Prefeitura de Goiânia

Ouça a 730
apple android
(62) 98400-1757