Atlético Goianiensebrasao-goias-3Vila Nova
appleandroidtwitterfacebookyoutubeinsta-bordaemail

Presidente da APAE Goiânia, Albanir Pereira Santana (Foto: Johann Germano/Portal 730)
apaegoiania
A Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais, a APAE, é uma entidade de defesa de direitos, filantrópica e de utilidade pública. Fundada em 1969, atende cerca de 500 usuários com deficiência intelectual, associada ou não a outras deficiências, nas áreas de assistência social, prevenção, saúde, educação, emprego e renda.

Em entrevista no programa Cidadania em Destaque desta quarta-feira (7), o presidente da APAE Goiânia, Albanir Pereira Santana, destaca a equipe de profissionais no trabalho de reabilitação realizado pela entidade em parceria com o Ministério da Saúde e a Prefeitura de Goiânia.

Ouça a entrevista na íntegra

“Temos fonoaudiólogos, psicólogos, fisioterapeutas, terapeutas ocupacionais, toda uma equipe multiprofissional atendendo aos nossos alunos. A grande vantagem das APAE’s é exatamente esta, atende à criança excepcional em toda a sua necessidade, desde a área escolar, a parte educacional, como a parte de saúde e assistência social”, esclarece.

Santana destaca que o trabalho é realizado desde o nascimento, com o programa Primeiros Passos. “É a estimulação precoce. A criança com deficiência, desde o nascimento, já tem um programa, para fazer a estimulação e o seu desenvolvimento. Em muitos casos o desenvolvimento começa sendo feito nessa faixa etária e aí há a possibilidade de ela desenvolver a marcha, a caminhada, outros conseguem sentar. Daí vai até a idade adulta”, reitera.

Em muitos casos, pais de crianças com deficiência costumam negar que o filho tenha algum tipo de problema. O programa Primeiros Passos ajuda os casais a superarem este momento, chamado de “luto”.

“É trabalhado esse luto, para que ela possa conhecer melhor o seu filho e a sua deficiência, para que ela possa ter um contato maior e mais lúdico com essa criança. Nos primeiros passos, a mãe participa junto com os profissionais para fazer essa estimulação, para que no futuro ela possa também ajudar na sua evolução”, explica.

Só em Goiânia, são quatro unidades da APAE: duas no Jardim Goiás, uma no Setor Chácara do Governador e outra no Setor Coimbra.  

Ouça a 730
apple android
(62) 98400-1757