Atlético Goianiensebrasao-goias-3Vila Nova
appleandroidtwitterfacebookyoutubeinsta-bordaemail

Foto: Reprodução/Internet
bullying
Dezenas de pacientes do Sistema Único de Saúde (SUS) que estavam na fila de espera para realização de cirurgia plástica deverão ser atendidos em Goiânia. Isso porque a capital recebe nesta semana o 5º Mutirão de Cirurgias Plásticas.

O evento é realizado pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP), por meio do departamento de Ação Social e a Fundação Instituto de Desenvolvimento, Ensino e Ação Humanitária (IDEAH), e é destinado à população carente. De acordo com a médica cirurgiã e diretora da SBCP, regional Goiás, Adriana Gondim do Amaral, a cirurgia traz de volta a autoestima do paciente.

“A crianças, por causa da chamada ‘orelha de abano’, sofrem bullying na escola. Até mesmo o homem que tem um pouco de aumento das glândulas mamárias, às vezes não consegue ir para um clube ou poder jogar um futebol. A mulher que sofre dores nas costas pelas mamas grandes, muitas vezes deixa de trabalhar porque essa condição causa muita dificuldade”, pondera.

Nas crianças, segundo a SBCP, as cirurgias plásticas como a deformidade nas orelhas, por exemplo, podem ser feitas a partir dos 7 anos de idade.

Inicialmente, até esta quarta-feira (29) foram atendidos pacientes que estavam na fila de espera do Hospital das Clínicas, Santa Casa de Misericórdia, Hospital Alberto Rassi (HGG), sendo 20, 25 e 20 procedimentos realizar em cada unidades respectivamente. A meta do mutirão é atender 100 pessoas em Goiânia.

De acordo com a SBCP, o Brasil está na segunda posição do ranking mundial de cirurgias plásticas, e conta com 6 mil profissionais credenciados em todo o país. Só em Goiás, há 223 profissionais. Em 2016, foram realizadas 22 mil cirurgias. Os brasileiros ficam atrás apenas dos Estados Unidos.

Nesta quinta (30) e sexta-feiras (31), a capital recebe também a 30ª Jornada Centro Oeste de Cirurgia Plástica. Profissionais de todo o país estarão discutindo as modernas técnicas para cirurgias de mama estéticas e reconstrutivas (pós câncer).

A SBCP alerta que, de cada dois cirurgiões, um não é especialista. A 30ª Jornada será realizada em um hotel localizado na Avenida República do Líbano, número 1.520, no Setor Oeste, em Goiânia.

Ouça a 730
apple android
(62) 98400-1757