Atlético Goianiensebrasao-goias-3Vila Nova
appleandroidtwitterfacebookyoutubeinsta-bordaemail

Foto: Reprodução/ Internet
camaramunicipal
Após o recesso legislativo, a Câmara Municipal de Goiânia deve apreciar, em segunda e última votação, o projeto de lei nº 115/2017, de autoria da vereadora Tatiana Lemos (PCdoB), que dispõe sobre a implantação de ponto eletrônico para médicos da rede municipal de Saúde. A proposta tramita na Casa desde março do ano passado e, de acordo com a parlamentar, já conta com o apoio do Conselho de Medicina e da Secretaria Municipal de Saúde.

“Entendemos que o controle de frequência digital é uma ferramenta de gestão importante para evitar denúncias contra médicos que supostamente usam o horário de expediente na rede pública para atender em clínicas particulares”, frisa ela, acrescentando: “Para os profissionais que já prestam um bom serviço, que têm responsabilidade, espírito público e cumprem horário, essa medida não irá alterar em nada”.

Da Câmara Municipal

Ouça a 730
apple android
(62) 98400-1757