Atlético Goianiensebrasao-goias-3Vila Nova
appleandroidtwitterfacebookyoutubeinsta-bordaemail
Sagres A Caminho da Copa

Foto: Reprodução/ Internet
lulaq
O ex-presidente Lula participou de um ato em São Paulo, na noite desta quarta-feira (24), logo após o Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4) confirmar sua condenação e ampliar a pena de prisão para 12 anos e 1 mês. Em discurso a manifestantes na Praça da República, no Centro da capital paulista, Lula disse que respeita o resultado, mas que não aceita “a mentira pela qual eles tomaram a decisão”. Confira um trecho do discurso.

A interpretação do ex-presidente sobre a condenação em segunda instância embasa a decisão da direção do PT de ignorar o resultado e manter a estratégia de ter plano único para a eleição presidencial deste ano. Como afirma a presidente do Partido dos Trabalhadores em Goiás, Kátia Maria, em entrevista à Rádio 730.

 A Rádio 730 também conversou com dois deputados federais sobre a condenação do ex-presidente Lula e o cenário da eleição presidencial a partir de agora. O deputado Rubens Otoni (PT), confirma que a estratégia de seu partido está mantida.

Já o deputado federal Delegado Waldir Soares, que está no PR e deve se filiar ao PSL (Patriotas), criticou a postura dos petistas e nega que o ex-presidente Lula mantenha sua força política depois da condenação em segunda instância.

O deputado ainda responde se é correto ignorar as intenções de voto do ex-presidente Lula, que está liderando as pesquisas.

Do repórter Rubens Salomão

Ouça a 730
apple android
(62) 98400-1757