Atlético Goianiensebrasao-goias-3Vila Nova
appleandroidtwitterfacebookyoutubeinsta-bordaemail

Foto: Portal 730
leomendanha
O ex-deputado estadual e atual presidente do PMDB em Aparecida de Goiânia, Léo Mendanha, concedeu, nesta sexta-feira (21), uma entrevista exclusiva à Rádio 730. Na ocasião, Léo Medanha –  que é pai do prefeito de Aparecida, Gustavo Mendanha (PMDB) – analisou o cenário político regional e as possibilidades de articulação para as eleições de 2018.

Ao avaliar as divergências existentes entre membros de partidos de oposição ao governador Marconi Perillo (PSDB), o ex-deputado ressaltou que para vencer o próximo pleito, os políticos da oposição terão que deixar as diferenças de lado. "Sou partidário e penso que o PMDB deve ter candidato próprio. Na Convenção, votarei em Daniel Vilela (PMDB). Agora, se a oposição não se unir, perderemos mais uma”, assevera.

Foto: Rubens Salomão/ Portal 730
leomendanhaestudio
Questionado sobre um possível favoritismo do vice-governador e pré-candidato da base José Eliton (PSDB), Léo Mendanha disse que “em política não se deve subestimar adversários”. “Claro que José Eliton é favorito, tem a máquina na mão. Agora, estou achando boa a base do governo subestimar os adversários. Que continue assim! A população é a senhora da eleição. Será que a população vai aceitar o José Eliton? Nós vamos lutar para que não”, acrescenta Mendanha.

O ex-deputado estadual foi eleito presidente do Diretório Municipal do PMDB de Aparecida de Goiânia, durante Convenção Municipal do partido realizada em maio deste ano. Na mesma votação, Tarcísio Francisco dos Santos, assumiu a 1ª Vice-Presidência do diretório.

Confira a entrevista na íntegra:

Ouça a 730
apple android
(62) 98400-1757