Atlético Goianiensebrasao-goias-3Vila Nova
appleandroidtwitterfacebookyoutubeinsta-bordaemail

Foto: Prefeitura de Goiânia/Divulgação
comurgflickr
O Tribunal de Contas dos Municípios do Estado de Goiás (TCM-GO), determinou que a Companhia de Urbanização de Goiânia (Comurg) e a Prefeitura de Goiânia suspendessem qualquer gratificação dos salários de servidores, incluindo os quinquênios. A medida foi tomada após uma auditoria para investigar irregularidades nos salários dos trabalhadores.

Recentemente, um novo acordo coletivo entre o TCM-GO e a Prefeitura decidiu  que o pagamento dos quinquênios deveria continuar. O presidente da Comurg, Denes Pereira, explica que, com a medida, uma nova forma de calcular as gratificações foi definida.

O Ministério do Trabalho, no entanto, determinou uma nova negociação entre os órgãos. Segundo o presidente da Comurg, a proposta da companhia já foi apresentada ao Sindicato dos Empregados de Empresas da Limpeza Pública.

O presidente da Companhia ressalta também que, no momento, as negociações entre o TCM, o Sindicato e o Ministério do Trabalho, ainda estão em andamento.

Com informações da repórter Jordanna Ágatha

 

Ouça a 730
apple android
(62) 98400-1757