Atlético Goianiensebrasao-goias-3Vila Nova
appleandroidtwitterfacebookyoutubeinsta-bordaemail

Agentes da PRF sacrificam cavalos às margens da BR-060 (Foto: Reprodução/Whatsapp)
cavalosrioverde
Policiais Rodoviários Federais (PRF) de Rio Verde sacrificaram dois cavalos que andavam pelo canteiro central da BR-060 no início da manhã desta quarta-feira, próximo a um posto de combustíveis às margens da rodovia, na região sudoeste do estado.

De acordo com a PRF, por meio de nota, inicialmente os agentes tentaram reconduzir os animais para um local seguro e que não representasse perigo tanto para os próprios equinos quanto para motoristas que trafegam pela região, que possui trânsito bastante movimentado.

Apesar das tentativas de recondução com os animais bastante agitados, a PRF afirmou no documento que abater os cavalos era a única alternativa para resolver o problema e evitar nova fuga dos equinos.

Pessoas que estavam próximas ao local registraram em câmeras de celular o momento em que um dos animais é alvejado pelos agentes. Nas imagens, é possível ver o cavalo, já baleado, cambaleando e com dificuldade para manter-se de pé. Ferido, o bicho chega a cair no chão e se levanta em seguida.

Na filmagem, seis disparos de arma de fogo, efetuados por um dos agentes, são ouvidos. Um dos policiais se aproxima dos curiosos e diz que o problema dos animais soltos às margens da rodovia é recorrente e que a polícia não possui estrutura para levar os animais para um local adequado.

“Isso acontece todo os dias. Infelizmente a gente não tem estrutura para colocar esses cavalos em um vaqueiro e levar para um pasto ou espaço público. Não quero de forma alguma que ele sofra”, afirma o agente.

Na nota, a PRF destaca, ainda, que não existe no Estado setor da corporação responsável pelo recolhimento, tratamento e guarda de animais, e que “diariamente policiais rodoviários federais são acionados para retirada de animais das faixas de rolamento e canteiros centrais de rodovias federais e este ano, somente em Goiás, 288 (duzentos e oitenta e oito) animais foram recolhidos para local seguro”.

Também por meio de nota, a Prefeitura de Rio Verde diz que lamenta o ocorrido e informa que os órgãos municipais só foram acionados pela PRF depois que os animais já estavam mortos. O documento informa ainda que, em caso de maus tratos a animais, a Secretaria Municipal de Meio Ambiente deve ser acionada, e quando há risco de transmissão de doenças por animais mortos, o Centro de Zoonoses deve ser chamado.

A PRF esclarece que a prática de sacrifício de animais não é recorrente na corporação e que vai acionar a corregedoria para apurar possíveis responsabilidades por parte dos agentes.

Não há informações sobre os possíveis proprietários dos animais soltos na rodovia e no canteiro central.

Ouça a 730
apple android
(62) 98400-1757