Atlético Goianiensebrasao-goias-3Vila Nova
appleandroidtwitterfacebookyoutubeinsta-bordaemail

Foto: Reprodução/ Internet
repdolibano11
Situada entre a Praça Tamandaré e a Avenida Independência, a Avenida República do Líbano é um marco entre as vias de Goiânia. Com cerca de km de extensão, a República do Líbano dá acesso a outras vias importantes, como por exemplo, as Avenidas Anhanguera e Assis Chateaubriand. 

Segundo o historiador e jornalista  Cesar Guazzelli, o nome “República do Líbano” se deve a presença de imigrantes sírio-libaneses, que passaram a frequentar o local após a fundação da igreja Ortodoxa São Nicolau, em 1956.

Em 1937, apenas quatro anos após a fundação de Goiânia, o governo de Goiás deu início à construção de um aeroporto na nova capital. A construção contava com duas pistas em forma de cruz, sendo que uma delas corresponde à área onde hoje está situada a Avenida República do Líbano. 

De acordo com o historiador César Guazzelli, apesar de ter sido ampliada após a desativação do antigo aeroporto, a República do Líbano já existia nas décadas de 1940 e 1950.

Com o crescimento urbano, o aeroporto foi transferido para sua atual localização, no Setor Santa Genoveva. O antigo aeroporto foi transformado na Praça do Avião, no ano de 1969. Segundo César Guazzelli, quando da inauguração da Praça, a Força Aérea Brasileira (FAB) doou um Caça F-8 para ornamentar a obra. 

Entretanto, o mau uso por parte da população fez com que o governo optasse por retirar o Caça da Praça. Hoje a Praça do Avião possui uma réplica do 14-BIS, uma obra do artista plástico Fernando Nolêtho que faz uma homenagem ao famoso aeroplano do aviador brasileiro Alberto Santos Dumont . 

Ainda segundo Guazzelli, a Praça do Avião, assim como as outras praças e rótulas localizadas ao longo da via, segue o estilo adotado no plano original da capital. 

Arborizada e com amplas calçadas, atualmente além de abrigar empreendimentos de alto padrão, a República do Líbano apresenta uma predominância de revendas de automóveis, órgãos públicos, clínicas e pequenos comércios.

Com informações da repórter Jordanna Ágatha

Ouça a 730
apple android
(62) 98400-1757