Atlético Goianiensebrasao-goias-3Vila Nova
appleandroidtwitterfacebookyoutubeinsta-bordaemail

Foto: PRF/Divulgação
manobras
A Polícia Rodoviária Federal de Goiás (PRF-GO) concluiu nesta semana o curso de condução de veículo de emergência para as forças de Segurança. Em homenagem à semana Internacional da Mulher, a primeira turma do ano foi totalmente feminina.

A especialização tem duração de dois dias e é realizada com aulas teóricas e práticas, com o objetivo de melhorar a habilidade dos policiais na condução de viaturas, trazendo mais eficiência nas manobras exigidas no cotidiano policial.

Um dos instrutores do curso, o Inspetor Clayton Barcelos, da PRF, enalteceu a objetividade, a determinação e a disciplina das participantes durante as 20 horas de treinamento, realizado em um espaço aberto e longe do trânsito, nestas segunda (6) e terça-feiras (7).

“Para nós foi uma constatação de que são muito disciplinadas, objetivas, e isto faz com que as técnicas que os instrutores passam possam ser compreendidas e executadas da forma mais adequada e, principalmente, segura. Todo o curso, do primeiro ao último dia, as palavras-chave são segurança e domínio do veículo, para não nos envolvermos em acidentes”, descreve.

As técnicas foram aplicadas em um espaço aberto e longe do trânsito, localizado no Jardim Alphaville. Entre os exercícios realizados na parte prática estão: desvio e frenagem rápidos, noção de espaço em caso de ultrapassagem, visão periférica, domínio do volante, controle do veículo na entrada e saída de curvas e atenção aos limites de velocidade.

“Isso dá à participante do curso a noção do até onde pode ela levar as nossas viaturas, e que não se pode passar de limites. Quando passo de alguns limites, eu estou em condição propícia de me envolver em um acidente. Então a polícia, como protetora da sociedade, não pode, em sua viatura, causar ou gerar risco à sociedade. O policial tem que estar sempre no domínio da situação, pensando na segurança”, explica.

Nesta turma participaram, além de dez policiais rodoviárias federais, seis agentes das Polícias Civil, Militar e Bombeiros. Outras dez turmas serão abertas ao longo do ano. Com a conclusão desta, as agentes estão aptas e certificadas para encarar os desafios das ruas, sempre em defesa da sociedade.

“Elas estão aptas a desenvolver as técnicas aqui passadas com responsabilidade e segurança necessárias à equipe, ao trânsito e ao veículo que está sendo abordado”, finalizou o inspetor Barcelos.

A seguir, assista a uma das manobras executadas pelas agentes durante o curso. As imagens foram divulgadas pela PRF.

Ouça a 730
apple android
(62) 98400-1757