Atlético Goianiensebrasao-goias-3Vila Nova
appleandroidtwitterfacebookyoutubeinsta-bordaemail


Dona de panificadora foi morta com tiros no rosto (Foto: Reprodução/Whatsapp)
garavelo
Três pessoas morreram no período tarde e noite desta segunda-feira (2) na região metropolitana de Goiânia. As vítimas são dois homens e uma mulher.

No final da tarde, uma mulher dona de uma panificadora na Avenida União, no Setor Garavelo em Aparecida, foi morta a tiros. De acordo com informações preliminares, Nilsa Custódio Mateus, de 49 anos, foi alvejada no rosto.

Testemunhas afirmam que o autor dos disparos chegou em uma caminhonete e entrou no estabelecimento depois de notar que o marido da vítima havia saído. Ainda não se sabe se algum pertence ou mercadoria foi levado do local.

Moradores da região queimaram pneus na via em protesto contra a falta de segurança na região. Ainda não há informações sobre o suspeito ou o que teria motivado o crime.

Grávida sobrevive a acidente com vítima fatal

No Setor Solange Park, região sudoeste de Goiânia, um motociclista morreu depois de furar o sinal vermelho e colidir contra um carro da Guarda Civil Metropolitana.

Segundo relatos de testemunhas à polícia, o condutor da moto CG Titan, cor azul, Lucas Teixeira Costa seguia pela Rua Valentim Capuzzo, no sentido norte-sul, levando no garupa a passageira Áurea Kátia Barbosa de Morais, grávida de seis meses.

No cruzamento com a Rua Martins Custódio da Silva, desrespeitou o sinal de “Pare” e colidiu com a viatura da Guarda Municipal, que seguia na Rua Martins Custódio da Silva, sentido leste-oeste. O condutor não resistiu aos ferimentos e morreu no local.

A gestante foi encaminhada consciente para o Hospital de Urgências Otávio Lage de Siqueira (Hugol) para fazer exames. A reportagem da 730 entrou em contato com a unidade de Saúde e a informação é de que a gestante foi encaminhada para enfermaria, mas não informou o estado de saúde dela.

Homem é morto a facadas em frente a distribuidora

O crime aconteceu na Avenida Liberdade, no Setor Garavelo B, em Aparecida. De acordo com informações da PM, um homem de 66 anos esfaqueou um rapaz pelas costas depois que o jovem teria xingado a dona do estabelecimento. Testemunhas afirmam que os dois estavam embriagados. A vítima não resistiu aos ferimentos e morreu no local. O idoso tentou fugir, mas foi preso pelos policiais. O caso será investigado pelo Grupo de Investigação de Homicídios (GIH).

Ouça a 730
apple android
(62) 98400-1757