Atlético Goianiensebrasao-goias-3Vila Nova
appleandroidtwitterfacebookyoutubeinsta-bordaemail

A jovem aprendiz Thais Carolina e a instrutora da Renapsi, Daniela Maria Rocha, nos estúdios da 730 (Foto: Jordanna Ágatha)
acao
Despertar o interesse do jovem na escolha consciente da profissão. Tarefa fácil? Essa é a missão da Ação Aprendiz Profissional Nota 10, que será realizada nesta semana no Núcleo Seu Jaime da Fundação Pró Cerrado (FPC), pela Rede Pró-Aprendiz em parceria com o Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac) em Aparecida de Goiânia, região metropolitana da Capital.

Em entrevista exclusiva no quadro Momento Pró-Aprendiz do programa Cidadania em Destaque desta quarta-feira (30) na 730, a instrutora da Rede Nacional de Aprendizagem (Renapsi), Daniela Maria Rocha, explica a importância da ação Profissional Nota 10.

Saiba mais e ouça a entrevista na íntegra

“É uma ação que realizamos desde março de 2015. Uma vez por mês reunimos todos os jovens no auditório e criamos esse momento com palestras sobre pautas que estão em destaque no momento. Neste mês, especialmente, estamos com o tema Profissional Nota 10, que é o momento de ajudar os jovens nesta decisão tão importante na vida deles, com faixa etária entre 16 e 18 anos, terminando o Ensino Médio, e que surgem muitas dúvidas. Queremos minimizar essas dúvidas e colocá-los na direção certa na hora de escolher a profissão”, esclarece.

O supervisor técnico do Senac, Marcos Graciano, diz que é exatamente a partir destas dúvidas que a escolha dos jovens começa a tomar forma.

“Com essa possibilidade de trazer conversas para o mundo profissional, sobre como isso funciona, como escolher a carreira profissional. No mundo há tantas dificuldade de se escolher a carreira, e o Senac tem sido uma porta aberta para que eles possam fazer pequenos cursos e começar a entender quais são as áreas seja na Saúde, na Informática, na gestão, Beleza e Estética, enfim, é uma forma de dar o primeiro passo e colocar o primeiro pé dentro da organização e do mundo do trabalho”, argumenta.

Jovem aprendiz Thaís Carolina, de 17 anos, está integrada desde julho ao projeto da FPC, e está cursando o segundo período de Direito. Ela conta que oscilou na hora de escolher os caminhos para o Ensino Superior.

“Entre o Direito e a Medicina. Quando fiz o Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM), não sabia para qual dos dois concorrer. Então foi o momento em que tomei a decisão, e logo em seguida escolhi que quero atuar na área de Promotoria”, relata.

O supervisor técnico do Senac, Marcos Graciano (Foto: Jordanna Ágatha)
acaoad

Ouça a 730
apple android
(62) 98400-1757