Atlético Goianiensebrasao-goias-3Vila Nova
appleandroidtwitterfacebookyoutubeinsta-bordaemail

As jovens aprendizes Larissa Diniz e Bruna Batista, em entrevista à 730 (Foto: Portal 730)
brunalarissa
Durante lançamento do Projeto Meninas Super Empreendedoras, as jovens aprendizes da Fundação Pró-Cerrado demonstraram que estão prontas para encarar o desafio de se tornarem empreendedoras.

A estudante de Ciências Contábeis, Bruna Batista, de 21 anos, é uma das 80 jovens aprendizes que integram o projeto em Aparecida de Goiânia. Ela diz que se surpreendeu por ser escolhida entre tantas participantes dos projetos da Rede Pró-Aprendiz, e garante que vai agarrar a chance de sonhar mais alto na carreira que está sendo construída.

“Foi uma surpresa ter sido escolhida no meio de tantas pessoas capacitadas. Vejo que cada uma tem o melhor de si para dar, a oportunidade está aí. Minha expectativa está a mil para este projeto”, afirma.

O curso do Projeto Meninas Super Empreendedoras tem duração de cinco meses. Ao final, as participantes devem apresentar uma proposta de criação de uma nova empresa. Além deste, Bruna, que é filha de comerciante, avalia que há outros desafios, como a competitividade com um mercado ainda preponderantemente masculino.

“Pensando em tudo o que está acontecendo no país neste momento, a oportunidade que a Rede Pró-Aprendiz está nos dando, é muito importante para já pensarmos no futuro. No meu caso, que faço Ciências Contábeis, já penso em abrir a minha própria empresa e nisso dar prosseguimento. O que nós mulheres vivemos é difícil, mas nada é impossível”, analisa.

A jovem Larissa Diniz, de 20 anos, também reconhece a importância de agarrar a oportunidade de criar novas ideias e aproveitar a chance de crescimento social e econômico por meio do empoderamento e empreendedorismo femininos. “Sim, o projeto está aí para nos dar uma base, para podermos crescer e empreender. Participar deste projeto é um prazer muito grande”, avalia.

As 80 primeiras participantes foram divididas em duas turmas de 40 jovens aprendizes cada, e os cursos são realizados todas as quintas-feiras, nos turnos maturino e vespertino, na Fundação Pró-Cerrado.

O Projeto Meninas Super Empreendedoras é realizado pela Rede Pró-Aprendiz, em parceria com o Sebrae Goiás, o Grupo Especial de Enfrentamente às Drogas (GEED) e Fundação Pan-americana para o Desenvolvimento (PADF).

Ouça a 730
apple android
(62) 98400-1757