Atlético Goianiensebrasao-goias-3Vila Nova
appleandroidtwitterfacebookyoutubeinsta-bordaemail

Leia mais...Pela primeira vez na história dos Estados Unidos (EUA), uma transgênero foi eleita para um cargo legislativo. Nessa terça-feira (07) a democrata Danica Roem foi escolhida representante da Assembleia Legislativa do estado da Virginia. Danica venceu o conservador Bob Marshall na disputa por uma vaga na assembleia - cargo semelhante ao de deputado estadual no Brasil. 

A campanha no estado acabou polarizada sobre o debate dos direitos de homossexuais e transgêneros. O republicano Bob Marshall, de 73 anos, é um político experiente, conservador e luta contra o movimento pela igualdade de gênero. 

Durante a campanha, Marshall não quis participar de debates com Danica Roem e não se referia a ela como mulher, mas como homem, seguindo a identidade biológica da ex-jornalista. 

A imprensa americana destacou que Danica fez ampla campanha em cada distrito do estado e obteve cerca de US$ 500 mil em doações. Ela lidera um movimento por mais representantes transgêneros na política americana.

Danica, de 33 anos, venceu as eleições defendendo, como primeira plataforma, melhorias no trâfego urbano e procurou deixar o debate sobre a transsexulidade como tema secundário. Ela começou sua transição de gênero há quatro anos e dedicou a vitória "a cada pessoa que já foi apontada, julgada ou estigmatizada".

Também houve eleições para governadores na Virginia e em New Jersey. Os candidatos democratas ao governo ganharam dos republicanos, o que representa uma derrota. Nos Estados Unidos, nem todos as eleições estaduais ocorrem de maneira unificada como no Brasil e há renovação parcial do Legislativo.

Da Agência Brasil

Leia mais...Novos dados divulgados pelo Instituto Nacional de Estatística de Portugal (INE) mostram que o número médio de filhos por mulher subiu para 1,36 em 2016. No ano anterior, a taxa foi de 1,3. No entanto, mesmo com o aumento da taxa de fecundidade e do número de nascidos vivos, a população do país continua a diminuir.

O declínio populacional, que vem sendo observado desde 2010, tem como principais fatores o número de óbitos e a migração. Apenas em 2016, mais de 110 mil pessoas morreram e mais de 38 mil foram morar em outros países.

Em 2016, registrou-se um aumento no número de nascidos vivos em relação ao ano anterior. Enquanto em 2015 foram observados 85.500 nascimentos, em 2016 o número ultrapassou os 87 mil. Mas, como o número de mortos foi de mais de 110 mil, restou um saldo natural negativo (-23.409).

O número de óbitos de residentes em Portugal aumentou de 108.539 em 2015 para exatos 110.535 em 2016 (um acréscimo de 1,8% na taxa de mortalidade).

Em relação à migração, o saldo também foi negativo. Estima-se que em 2016 tenham entrado em Portugal 29.925 pessoas, número praticamente igual ao observado em 2015 (29.896). Quanto às pessoas que deixaram o país, o número aumentou ligeiramente. Em 2015, pouco mais de 40 mil pessoas foram viver em outros países, enquanto em 2016 esse número ficou em 38 mil.

Como resultado dessa dinâmica, a população residente em Portugal foi reduzida, de 2015 para 2016, em 31.757 pessoas. Atualmente, a população estimada é de 10,3 milhões de habitantes.

Outros indicadores

A esperança de vida dos portugueses ao nascer está em 80,6 anos.

Em Portugal, observa-se ainda uma tendência de adiamento da maternidade. A idade média das mães por ocasião do nascimento do primeiro filho subiu de 30,2 para 30,3 anos e a idade média ao nascimento de um filho (independentemente da ordem de nascimento), de 31,7 para 31,9 anos.

Em 2016, a taxa de mortalidade infantil foi de 3,2 óbitos por mil nascidos vivos, superior ao valor registrado em 2015 (2,9).

O valor da taxa bruta de nupcialidade manteve-se em 3,1 casamentos por mil habitantes. Em 2016, realizaram-se 32.399 casamentos (422 dos quais entre pessoas do mesmo sexo), pouco mais do que os realizados em 2015.

O adiamento do casamento é uma tendência que tem se mantido ao longo das últimas décadas e para ambos os sexos: em 2016, a idade média no primeiro casamento situou-se em 32,8 anos para os homens e 31,3 anos para as mulheres, valores muito próximos aos observados em 2015 (32,5 anos e 31, respectivamente).

Em Portugal, foram registrados no ano passado 22.649 divórcios, quase mil a menos do que em 2015.

Da Agência Brasil

Leia mais...Em mais um desdobramento da divulgação da investigação chamada Paradise Papers - que inclui uma lista de empresas e personalidades de todo o mundo que têm contas em paraísos fiscais - os ministros das Finanças da União Europeia (UE) debaterão o assunto nesta terça-feira (7).

A decisão de incluir o tema na pauta da reunião mensal veio após a publicação neste final de semana, em vários veículos de imprensa mundo afora, do acervo de documentos divulgados pelo Consórcio Internacional de Jornalistas Investigativos (ICIJ, na sigla em inglês) que expôs casos de evasão fiscal global e negociações de figuras públicas de destaque em paraísos fiscais. 

Os países da UE já haviam passado meses planejando chegar a um acordo, até o final deste ano, a respeito de uma lista de paraísos fiscais que estariam recebendo recursos irregulares, e as novas revelações da ICIJ precipitaram uma discussão do tema, segundo autoridades do bloco europeu.

Na esteira de revelações anteriores de evasão fiscal generalizada, como os casos conhecidos como Panama Papers e Luxembourg Leaks, a União Europeia debateu várias medidas para reprimir a sonegação de impostos, incluindo uma lista de paraísos fiscais de todo o bloco elaborada para desestimular o redirecionamento de lucros obtidos na UE em países com pouca ou nenhuma taxação, como Panamá ou Bermuda.

Da Agência Brasil

Leia mais...Começa nessa segunda-feira (6) em Bonn, na Alemanha, a Conferência das Nações Unidas sobre Mudança Climática (COP 23). Até o dia 17 de novembro representantes dos diversos países participantes estarão reunidos para viabilizar formas de promover os objetivos do Acordo de Paris e alcançar progressos em sua implementação. A informação é da ONU News.

O encontro é presidido por Fiji e organizado pela Convenção das Nações Unidas sobre Mudança Climática (Unfccc, na sigla em inglês), em parceria com autoridades da Alemanha. A COP 23 terá um segmento de alto nível a partir de 15 de novembro, com a participação de ministros e outras autoridades.

Segundo o Unfccc, governos reunidos na COP 23 vão procurar avançar a implementação do Acordo de Paris e desenvolver diretrizes sobre como pontos do Acordo poderão ser implementados em diversas áreas, debatendo temas como financiamento, transparência, adaptação, redução de emissões de gases, capacitação e tecnologia.

A meta é fazer progressos em todas essas áreas para que as orientações tiradas do encontro possam ser completadas até a COP24, que será realizada na Polônia, em 2018. No fim de outubro, a agência ONU Meio Ambiente divulgou um novo relatório afirmando que as promessas nacionais feitas pelos países no Acordo de Paris representam apenas um terço das ações necessárias para alcançar metas relacionadas ao clima e evitar os piores impactos da mudança climática.

Da Agência Brasil via ONU News

Leia mais...Pelo menos três pessoas morreram em um tiroteio ocorrido nesta quarta-feira (01) em uma filial do Walmart, na cidade de Thornton,  um subúrbio de aproximadamente 120 mil habitantes localizado nos arredores de Denver, Colorado, Estados Unidos. A informação foi confirmada por autoridades norte-americanas.

Segundo informações preliminares, o Departamento de Polícia de Thornton teria usado o Twitter para informar que, durante o tiroteio, morreram dois homens e que uma mulher foi levada para um hospital. Algumas horas depois, o Departamento comunicou que a mulher hospitalizada também estava entre os mortos.

Primeiramente a polícia tinha dito que o autor dos disparos não estava mais no local, mas não especificou se a pessoa foi morta, ferida, presa ou se fugiu. Ninguém foi preso até o momento.

 

Leia mais...Cinco dos oito mortos no atentado terrorista ocorrido nessa terça-feira (31) no centro de Nova York são argentinos, informou o Ministério de Relações Exteriores da Argentina. Mais um argentino foi ferido e está internado, mas fora de perigo.

As vítimas eram parte de um grupo de dez ex-alunos da Escola Politécnica de Rosário – uma cidade a 300 quilômetros da capital, Buenos Aires. Eles tinham viajado aos Estados Unidos para comemorar os 30 anos de formatura e estavam passeando de bicicleta pelo bairro de Manhattan, quando foram atropelados.

O autor do atentado foi identificado como Sayfullo Saipov - um homem de 29 anos, nascido no Uzbequistão, que vive nos Estados Unidos desde 2010. Ele jogou uma caminhonete alugada contra pedestres e ciclistas, numa ciclovia movimentada no centro de Nova York. Só parou quando bateu em um ônibus escolar. Segundo testemunhas, ele desceu do veiculo gritando “Allahu Akbar” (Deus é grande, em árabe), antes de ser baleado pela polícia.

Os argentinos mortos foram identificados como Hernán Diego Mendoza, Diego Enrique Angelini, Alejandro Damián Pagnucco, Ariel Erlij y Hernán Ferruchi. Martín Ludovico continua no Presbiterian Hospital de Manhattan, mas está fora de perigo.

Da Agência Brasil

Leia mais...O Ministério das Relações Exteriores informou neste sábado (28) que a visita do presidente da Bolívia, Evo Morales, ao Brasil, foi adiada. Morales seria recebido pelo presidente Michel Temer em cerimônia oficial no Palácio do Planalto e para um almoço no Itamaraty na próxima segunda-feira (30).

A agenda já tinha sido divulgada pela Secretaria de Comunicação da Presidência da República, mas foi cancelada depois que o presidente Temer passou por um procedimento cirúrgico em São Paulo na noite de sexta-feira (27). O presidente receberá alta do hospital somente na segunda-feira (30) e deve ficar de repouso em São Paulo até terça-feira (31), segundo recomendação médica.

Segundo o Itamaraty, as duas chancelarias definirão uma nova data para a visita de Evo Morales. Entre os principais temas que deverão ser discutidos pelos representantes dos dois países está a criação do Corredor Ferroviário Bioceânico, que pretende integrar o Brasil, a Bolívia e o Peru, ligando os portos de Santos, no Oceano Atlântico, ao de Ilo, no Pacífico. Os presidentes também devem tratar sobre medidas de prevenção ao crime organizado transnacional, esportes e energia.

Da Agência Brasil

Leia mais...Brasil e Portugal assinaram acordo nesta sexta-feira (27) para a ampliação do comércio eletrônico entre os dois países. O objetivo é aumentar a eficiência e a competitividade dos produtos de correio expresso.

De acordo com os Correios do Brasil, uma das mudanças previstas com o novo acordo é a melhoria na qualidade de informação nos fluxos postais, permitindo um rastreamento mais completo que facilita a previsão de entrega das encomendas postadas principalmente para quem efetua compras e vendas via internet.

“O comércio eletrônico aproximou os países do mundo todo, e é nosso papel fomentar essa aproximação, proporcionando mais segurança e comodidade para quem compra pela internet em sites de outros países. O acordo assinado com o CTT é estratégico na otimização desse processo”, afirmou o presidente dos Correios do Brasil, Guilherme Campos.

Na prática, o novo acordo prevê a migração da carga de e-commerce (compras e vendas feitas pela internet) que, em sua maior parte, chega ao Brasil pelos serviços Registrado e Simples (sem registro), para uma plataforma mais qualificada, atendendo às condições de recebimento do Novo Modelo de Importação, como por exemplo, o envio de informações eletrônicas.

Para o presidente dos correio de Portugal (CTT), Francisco de Lacerda, a modernização do serviço só tem a desenvolver a prestação dos serviços postais de ambos os países.

“O comércio eletrônico é, a par dos serviços bancários e financeiros, um dos eixos estratégicos de desenvolvimento dos CTT, e acreditamos que estes acordos agora assinados com o Brasil são uma das chaves para o desenvolvimento das trocas neste corredor atlântico, aproveitando a crescente digitalização da economia e a ligação tradicionalmente relevante entre as comunidades de ambos os países”.

Anteriormente, após a liberação pela Alfândega, as encomendas registradas postadas entre Brasil e Portugal levavam em média 40 dias úteis para ser entregues. Agora, com o novo acordo, a previsão é que esse prazo caia para 12 dias úteis, em média, após a liberação da Alfândega.

Da Agência Brasil

Leia mais...Os parlamentares catalães aprovaram, em votação secreta, a independência da Catalunha. Foram 70 votos a favor, dez votos contrários e dois em branco. A oposição havia se retirado do plenário minutos antes e se absteve de votar. A decisão aconteceu aproximadamente às 15h30 no horário europeu (11h30 no horário de Brasília).

De um lado, havia os que defendiam o referendo e a separação da Espanha; de outro, os que culpam o líder catalão, Carles Puigdemont, de ter prejudicado enormemente a economia da região e de forçar uma independência que não é a escolha da maioria da população.

Senado de Madri está reunido

Já em Madri, o Senado está reunido desde o início da manhã de hoje (27) para votar a aplicação do artigo 155 da Constituição espanhola, que deve destituir o presidente catalão e suspender temporariamente a autonomia da região.

De acordo com o presidente espanhol, Mariano Rajoy, é inevitável a imediata aplicação do dispositivo pois a situação é excepcional e o objetivo é proteger a Catalunha. Após a divulgação da declaração unliateral de independência por parte dos separatistas, Rajoy pediu tranquilidade aos cidadãos espanhóis e afirmou que a situação voltará à legalidade.

Da Agência Brasil

Ouça a 730
apple android
(62) 98400-1757