Atlético Goianiensebrasao-goias-3Vila Nova
appleandroidtwitterfacebookyoutubeinsta-bordaemail

Mesquita no Monte Sinai (Foto: Agência Lusa Lusa/EPA/STR)
egitof
Um atentado a uma mesquita sufista no Monte Sinai, no Egito, deixou 235 pessoas mortas na manhã desta sexta-feira (24).

De acordo com informações da televisão oficial egípcia, a mesquita fica localizada na cidade de Al Arish, na região nordeste do país.

Ainda segundo a imprensa local, os responsáveis pelo ataque colocaram explosivos de fabricação caseira ao redor da mesquita de Al Rauda, nos arredores de Al Arish. Os agressores detonaram os artefatos no momento em que os fieis saíam da oração. Os que conseguiram escapar foram mortos a tiros pelos extremistas.

O Ministério de Saúde do Egito subiu o alerta no serviço de resgate do país. Algumas ambulâncias que chegavam ao local após o atentado também teriam sido alvejadas pelos terroristas.

Os mais de 100 feridos foram encaminhados para hospitais de Al Arish e para a capital, Cairo. O presidente egípcio, Abdul Fatah al Sisi, está reunido com o Conselho de Defesa Nacional por causa do atentado em Al Rauda.

O presidente declarou três dias de luto oficial no país, e nenhum grupo terrorista reivindicou a autoria do atentado. Ainda não há informações sobre o paradeiro ou identificação dos extremistas.

 

Ouça a 730
apple android
(62) 98400-1757