Atlético Goianiensebrasao-goias-3Vila Nova
appleandroidtwitterfacebookyoutubeinsta-bordaemail

digitalO Reino Unido se tornou o primeiro país do mundo a ter um supermercado onde é permitido que os clientes paguem as compras através da impressão digital. A invenção, denominada "Fingopay", funciona através de um sistema infravermelho que escaneia as veias dos dedos e vincula o mapa biométrico às contas bancárias de cada cliente. A informação é da EFE,

Os dados bancários são guardados no fornecedor de pagamentos "Worldpay", da mesma maneira que armazena dados quando são comprados produtos pela internet.

Os clientes da loja Costcutter, no campus da Universidade Brunel, de Londres, foram os primeiros a testar a inovação de pagar através de impressões digitais. O sistema simplifica as compras, já que os consumidores poderão ir ao supermercado sem dinheiro ou cartões e pagar simplesmente utilizando os dedos.

A empresa por trás desta invenção, Sthaler, com sede em Londres, informou aos meios de comunicação que já está trabalhando com outros supermercados do Reino Unido para usar a tecnologia. Segundo a companhia, este sistema de pagamento é o mais seguro, já que "não pode ser copiado ou roubado".

A Sthaler espera que mais de 3 mil estudantes dos 13 mil que há no campus onde a tecnologia está sendo testada se registrem antes de novembro para utilizar o "Fingopay". A empresa disse que está negociando levar o sistema não só aos supermercados, mas também a discotecas, academias e estádios de futebol, para identificar com facilidade quem têm acesso às zonas VIP.

A impressão digital já é utilizada no Reino Unido para entrar em alguns edifícios de alta segurança ou autorizar transferências de comércio interno em bancos de investimento.

Da Agência EFE via Agência Brasil

Ouça a 730
apple android
(62) 98400-1757