Atlético Goianiensebrasao-goias-3Vila Nova
appleandroidtwitterfacebookyoutubeinsta-bordaemail

Bandeira da Venezuela (Foto: Reprodução/ Internet)
venezuela
O Ministério Público da Venezuela (MP) informou, nessa quarta-feira (24), que um jovem estudante morreu no estado de Zulia, no oeste do país, após ser baleado durante protesto.

Em comunicado, o MP disse que pediu ao promotor do estado de Zulia, Israel Vargas, que conduza a investigação sobre a morte do estudante Adrián José Duque Bravo, de 23 anos, ocorrida ontem à noite, durante protesto em Maracaibo, capital de Zulia. Duque era estudante da Universidade Dr. José Gregorio Hernández.

Segundo o MP, na noite dessa quarta-feira um grupo de manifestantes estava "nas imediações do conjunto residencial Las Torres del Saladillo Maracaibo, quando agentes da Guarda Nacional Bolivariana apareceram para restaurar a ordem e a lei".

No texto, o MP relatou que teve início uma situação irregular, em que Duque ficou ferido. O jovem foi levado para um hospital da região, onde morreu pouco depois de chegar.

Funcionários do Corpo de Investigações Científicas, Penais e Criminalísticas (CiCPC) estiveram no local para "recolher provas" e esclarecer o fato, a fim de tentar determinar as responsabilidades penais.

Com a morte de Adrián Duque, sobe para 57 o número de mortos durante as violentas manifestações que ocorrem há quase dois meses na Venezuela.

Da Agência Brasil via Agência EFE

Ouça a 730
apple android
(62) 98400-1757