Atlético Goianiensebrasao-goias-3Vila Nova
appleandroidtwitterfacebookyoutubeinsta-bordaemail

Bandeira da OTAN (Foto: Reprodução/ Internet)
otan
O Parlamento de Montenegro aprovou nesta sexta-feira (28) a entrada do país na Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan), em uma sessão boicotada pela maior parte da oposição e que transcorreu enquanto uma manifestação se desenvolvia contra a aliança militar na parte externa do edifício.  As informações são da agência EFE.

Somente 46 dos 81 deputados apoiaram a adesão à Otan. O país - surgido em 2006, a partir da fragmentação da antiga Iugoslávia - é candidato a entrar na União Europeia e possui laços históricos com a Rússia. Espera-se que seja formalizada a sua entrada na aliança militar na reunião de cúpula da Otan que acontecerá em 25 de maio próximo.

Votaram a favor da adesão de Montenegro à aliança os parlamentares do governante Partido Democrático dos Socialistas (DPS) e os legisladores dos partidos opositores Social-democrata (SDP) e Liberal (LP), bem como os das minorias nacionais bósnia, croata e albanesa.

A maior parte da oposição boicotou a sessão, enquanto a coalizão pró-Rússia Frente Democrática (DF) organizou, junto com organizações anti-Otan, um protesto no parlamento.

Da Agência Brasil

Ouça a 730
apple android
(62) 98400-1757