Atlético Goianiensebrasao-goias-3Vila Nova
appleandroidtwitterfacebookyoutubeinsta-bordaemail

Foto: Divulgação
jao.universo.divulgacao 001
No jogo da manhã deste sábado (28), entre Jaó/Universo e MonteCristo pela Superliga B de vôlei, um jogador de cada time fez a diferença e deixou o espetáculo ainda mais bonito. O jogo foi intenso, disputado e prazeroso de se ver. No final, o Jaó venceu o MonteCristo por 3 sets a 1. 

 

Do lado do Jaó, a equipe mandante da partida, o camisa número 8, Vivalde, foi o grande destaque. 

(Vivalde em momento da partida. Foto: Divulgação)
vivalde.jao.divulgacaojpg
O jogador foi "caçado" o tempo todo durante o jogo, nos saques do adversário, já que estava exercendo uma função que não é o seu ponto forte, a recepção. Vivalde não decepcionou e chegou, inclusive, a ser elogiado pelo técnico rival, Paulo Martins. 

"Esse meu momento vem do amadurecimento, estou numa posição que eu tenho dificuldade, que é a recepção, eles sacaram em cima de mim o tempo inteiro, conseguiram complicar", afirmou. 

O jogador atribuiu o bom momento ao time, que recebeu vários elogios do atleta. "A equipe me deu um suporte hoje para eu fazer o que faço de melhor, que é atacar. O conjunto é excelente, animador, tem muita qualidade, vamos longe", completou. 

 

No MonteCristo, o camisa 13, Leonardo, chamou atenção pelo seu espírito de liderança e ótimas sequências durante o jogo, chegando a marcar, no 4º set, três pontos consecutivos, dois de ataque e um de bloqueio. Foi o maior pontuador da partida, anotou 15 pontos. O jogador também enalteceu a equipe pelo seu bom momento. "É o conjunto que me proporciona voar dentro de campo e fazer boas atuações", disse. 

(Leonardo, jogador do MonteCristo. Foto: Karina Azevedo/Portal730)
leonardo.montecristo.karinaazevedo.portal730
Um dos mais experientes do elenco, Leonardo não escondeu a decepção pela derrota e ressaltou alguns pontos que, para ele, foi onde a equipe deixou escapar a vitória. 

"Faltou experiência. Nos treinos durante a semana nós não erramos nem metade do que foi hoje, falta tranquilidade, acredito que fomos melhor, mas erramos em momentos que não podíamos errar. Consegui me sair bem, atacar, mas é um conjunto, todos precisam estar bem, nossa equipe é jovem, ainda vão adquirir isso durante o campeonato", destacou. 

Na próxima rodada o Jaó encara o Botafogo, no Rio de Janeiro, dia 4 de fevereiro às 19h30 da noite. O MonteCristo recebe o Rádio Clube em Goiânia, no mesmo dia, às 18 horas. 

carregando...

Ouça a 730
apple android
(62) 98400-1757