Atlético Goianiensebrasao-goias-3Vila Nova
appleandroidtwitterfacebookyoutubeinsta-bordaemail

Segundo informações do site GloboEsporte.com, a Copa do Mundo terá 48 participantes a partir de 2026. A decisão será oficializada nesta terça-feira (08), em reunião do Conselho da Fifa, em Zurique-SWI. O número de vagas por continente e o novo formato do torneio serão, possivelmente, definidas em março.

Com a alteração, a América do Sul deverá ter sete vagas para a Copa (seis diretas e uma na repescagem). A outra proposta, de subir o número de seleções na Copa para 40, já foi descartada.

Foto: Divulgação
fifa infantino worldcup divulg
Uma das promessas de campanha de Gianni Infantino era de aumentar o número de seleções participantes da Copa do Mundo. O ex-secretário-geral da Uefa foi eleito presidente da entidade maior do futebol em fevereiro de 2016,

– Para 2026 eu acho que seria positivo aumentar o número de times. Digo isso porque o futebol só melhora em todo mundo. E não é populismo. O papel da Fifa é desenvolver o futebol no mundo, fazer as pessoas participarem”, afirmou Infantino ao GloboEsporte.com no dia 28 de janeiro de 2016.

Confira a nova quantidade de vagas por continente:

Uefa: 16 vagas
África: 9,5 vagas
Ásia: 8,5 vagas
Conmebol: 6,5 vagas
Concacaf: 6,5 vagas
Oceania: 1 vaga

História das Copas

A primeira edição da Copa do Mundo, realizada no Uruguai, em 1930, teve apenas 13 seleções. A partir de 1934, na Itália, o número subiu para 16. Nesta edição, foi estabelecimento as eliminatórias para reter as 16 equipes entre as 30 nações listadas.

O número de países classificados para a Copa do Mundo permaneceu inalterado até 1982, na Espanha, onde passou de 16 para 24. Na edição de 1998, na França, passou de 24 para 32 seleções, como permanece até hoje.

Vale lembrar que na segunda edição da Copa, em 1934, até mesmo a Itália, seleção anfitriã, teve que participar das eliminatórias. No entanto, o Uruguai decidiu não defender seu título, abdicando de participar do torneio. De 1938 a 2002, o país campeão e o organizador da competição eram automaticamente qualificados.

A partir da Copa de 2006, o atual campeão não entrou mais direto no torneio. Assim, o Brasil, campeão em 2002, teve que passar pelas eliminatórias para participar do Mundial de 2006.

Ouça a 730
apple android
(62) 98400-1757