Atlético Goianiensebrasao-goias-3Vila Nova
appleandroidtwitterfacebookyoutubeinsta-bordaemail

Foto: Assessoria VNFC
wesleymatos.assessoriavnfc 001
Indefinições rondam o Vila Nova antes mesmo da última rodada da Série B, quando encaram o Londrina nesse sábado (25), no estádio Serra Dourada, às 17h30. Embora tenha mais um jogo, o time colorado já começa a projetar o ano de 2018. A equipe, que recentemente renovou com o técnico Hemerson Maria, está perto de contar ainda com Alan Mineiro. Porém, seu melhor zagueiro está perto de deixar o clube.

Wesley Matos chegou desacreditado do Goiás, após uma Série B ruim e conseguiu virar o jogo no Vila Nova. Wesley tem 31 anos e foi um dos pilares da excelente campanha do clube colorado na Série B, apesar do não acesso a elite, seu futebol despertou interesse de outros clubes, inclusive de clubes da Série A. O zagueiro comentou o assunto, mas deixou claro que se animou após reunião com diretor de futebol colorado Felipe Albuquerque.

"Nunca escondi nada e dessa vez não irei esconder também. Tive uma conversa muito proveitosa com o Felipe, com o Éder. Sentamos e conversamos e foi uma conversa muito boa que me animou bastante, mas eu pedi um prazo para eles. Eu tenho duas situações de Série A que podem acontecer e se for da vontade de Deus que aconteça, que eu tenho o sonho de jogar a Série A e não sei quando terei outra oportunidade e se não for dessa vez, com certeza vai ser no Vila", afirmou. 

Wesley chegou a afirmar que as convesas com o Tigre estão 70% encaminhadas para um final feliz e que o fato do técnico Hemerson Maria ter renovado com o clube, influencia na sua decisão de também permanecer.

"O treinador que já conhece o nosso trabalho, já conhece o clube e o mais importante é manter uma base para que cheguemos forte no início do ano e fazer as contratações pontuais. O que deu de errado e fazer as contratações certas, para que possamos fazer um grande 2018", finalizou.

Ouça a 730
apple android
(62) 98400-1757