Atlético Goianiensebrasao-goias-3Vila Nova
appleandroidtwitterfacebookyoutubeinsta-bordaemail

hemersonmaria.assessoriavfncO Vila Nova empatou com Internacional no último sábado, por 1 a 1, no Beira-Rio. O colorado precisava da vitória para se aproximar do G-4, mas a equipe goiana enfrenta o Figueirense nesta terça-feira(14), no Serra Dourada, e ainda tem oportunidade de conseguir o acesso. O técnico Hemerson Maria comenta sobre o empate e o que precisa mudar para o próximo duelo.

"Eu não sei qual seria o nosso percentual de chance do acesso. A partir do momento que você começa a vencer os seus jogos e a combinação de resultado com os adversários vai aumentando a chance para uns e diminuindo para outros. A nossa matemática é os três pontos amanhã e ver o que irá acontecer na rodada, assim, ver o que será preciso para o jogo do Náutico. Hoje o Paraná está na nossa frente  joga duas partidas fora, se vencermos os dois jogos que temos pela frente e o Paraná perder iremos para última rodada na frente deles. O campeonato ainda está aberto”, comenta.

O destaque da partida foi atacante Ruan. Responsável pelo gol, Ruan atuou em oito oportunidades com a camisa colorada e marcou uma vezes. Com dificuldade no ataque, Hemerson Maria fala sobre o desempenho do jogador no confronto.

“Procuro oportunizar todos os  jogadores. Durante todo o campeonato tivemos um quarteto que estava na boca do torcedor, Mateus Anderson, Alan Mineiro, Moisés e Alípio. Esses jogadores não me deram motivos para que eu os tirasse. Não tiveram queda de rendimento muito  brutal. Dificilmente eu mexeria nessas peças. Houve uma queda natural dos jogadores. O Ruan vinha treinando bem. Quando surgiu a oportunidade eu tive a confiança e aproveitou bem, na minha opinião foi um dos melhores em campo. Posso garantir que amanhã o Ruan joga", finaliza.

Ouça a 730
apple android
(62) 98400-1757