Atlético Goianiensebrasao-goias-3Vila Nova
appleandroidtwitterfacebookyoutubeinsta-bordaemail

(Foto: Arquivo / Jornal O Popular)
unnamed 4
Nesta quarta-feira (26) foi confirmada a morte encefálica do goleiro Max. O jogador, de 42 anos, já atuou pelo Vila Nova. Em 2008, foi uma das peças fundamentais da equipe. O ídolo colorado chegou a 6ª colocação da Série B e quase conseguiu o acesso a elite da competição. O goleiro continuou no futebol goiano atuando pelo Itumbiara, depois retornou ao Vila Nova.  

Max se envolveu em acidente de carro após tentativa de assalto em Duque de Caxias, no Rio de Janeiro. Vinte dias após o acidente o goleiro foi internado edema cerebral, no Hospital da Lagoa, no Rio de Janeiro.  Ficou um mês internado, mas na última terça-feira (25) piorou. O atleta foi submetido a teste neurológico, mas não respondeu aos estímulos.  

O goleiro já atuou por clubes como: Portuguesa, Bangu, Botafogo, Vila Nova, Itumbiara, Joinville, Gama e Boa Esporte.  

Ainda nesta quarta, a Rádio 730 realizou entrevistas especiais com personalidades que fizeram parte da carreira de Max, na edição do programa Toque de Primeira. O Portal 730 irá disponibilizar todo conteúdo nesta quinta-feira (27). Não perca!

Ouça a 730
apple android
(62) 98400-1757