Atlético Goianiensebrasao-goias-3Vila Nova
appleandroidtwitterfacebookyoutubeinsta-bordaemail

Foto: Karina Azevedo / Portal 730
marcelo dias karinaazeve
O Vila Nova encarou o Anápolis na tarde deste sábado (25), no estádio Jonas Duarte e venceu pelo placar de 1 a 0. No comando durante a partida, o auxiliar técnico Marcelo Dias foi quem assumiu, já que Mazola Júnior foi expulso de campo no jogo contra o Atlético, na última rodada, e cumpria suspensão. O time colorado abriu o placar logo no começo do jogo, aos 3 minutos, com gol contra do zagueiro Furlan. 

Marcelo comentou sobre o placar apertado e a pressão que o time da casa fez no final da partida, mas enalteceu a vitória colorada. "Sofremos um pouco, podíamos ter matado o jogo no início, tivemos chances para isso. Mas soubemos sofrer, foi um espírito grandioso que demonstramos hoje e essa vitória valeu a liderança isolada da competição, isso que importa", declarou. 

O Vila Nova chegou aos 14 pontos com essa vitória e abriu três de vantagem na ponta da tabela do Grupo A, já que o arquirrival Goiás (que estava com a mesma pontuação do time colorado) perdeu para o Rio Verde, no estádio Mozart Veloso do Carmo, por 2 a 1, também neste sábado (25). 

O próximo compromisso do Tigrão é pela Copa do Brasil. Na quarta-feira (1), o Vila Nova recebe o Vasco da Gama, no Serra Dourada, pela segunda fase do torneio nacional. A partida é única, e caso ela termine empatada, a classificação será decidida nos pênaltis. Marcelo ressaltou que acredita na vitória, mesmo sabendo da qualidade do time carioca. 

"Todo mundo sabe da capacidade que tem o Vasco, mas se formos pensar assim e não encarar como uma partida que dá para conseguir a classificação, não vale a pena jogar. Nós acreditamos e vamos trabalhar para isso", finalizou. 

Pelo Campeonato Goiano, o Tigre volta à campo no domingo (5), pela oitava rodada do Goianão. O adversário da vez será o Rio Verde, às 16 horas, no estádio Onésio Brasileiro Alvarenga (OBA). 

Ouça a 730
apple android
(62) 98400-1757