Atlético Goianiensebrasao-goias-3Vila Nova
appleandroidtwitterfacebookyoutubeinsta-bordaemail

taffarel.jpegA Seleção Brasileira entra em campo nesta quinta-feira (31) contra o Equador, na Arena do Grêmio, às 21h45. A partida é válida pelas Eliminatórias da Copa do Mundo de 2018. O Brasil ocupa a primeira colocação com 33 pontos chegando a nove pontos de diferença do segundo colocado.  A seleção já carimbou seu passaporte para Rússia em 2018. O Brasil disputou 14 jogos pela eliminatória chegando a dez vitórias.  

A grande dúvida de Tite é quem será o goleiro titular da equipe para a disputa do mundial. Em excelente fase, os prováveis goleiros vivem os seus melhores momentos nos clubes que atuam. Para a partida o treinador convocou três dos seis que estão sendo observados para a Copa do Mundo. Alisson, Cássio e Ederson foram os convocados para a partida contra o Equador e Colômbia. O preparado de goleiros e ídolo da seleção brasileira, Cláudio Taffarel, em entrevista ao repórter Edson Júnior comenta sobre a concorrência entre os defensores.  

Confira entrevista completa:  

Como está o rendimento dos goleiros convocados nestes primeiros treinos?  

Muito bom, estou muito satisfeito já dos primeiros treinos dos três goleiros que estão aqui. O Tite sempre pede para que os jogadores treinem bem em seus clubes para chegarem aqui já prontos. Tem acontecido isso com todos os jogadores principalmente com os goleiros. Espero que na partida possa ser mostrado esse belo trabalho que vem sido feito nos treinamentos"  

O Tite conversa com você para definir a convocação dos goleiros?  

Existe uma conversa e acompanhamento. O Tite está no meio de campo, mas sempre está observando tudo. Existe sim essa conversa, mas a decisão sempre será dele. Acho importante podermos ajuda-lo nessa decisão. Acho que ele está bem conciso na sua decisão. 

Qual importância do goleiro atuar fora ou dentro do país para a Copa do Mundo?  

A importância é de o atleta estar jogando. Pedimos para o Alisson este ano lá na Roma que ele pudesse jogar se não trocar de time. Tentar solucionar esse problema que no passado aconteceu com ele. Estar dentro do país ou fora isso independe, isso não é nossa procupação. Se o goleiro tiver condições ele estará junto com equipe. Tem que mostrar um bom trabalha por que estamos observando. Aliás vários outros goleiros estão sendo observados. Eles têm que estar pronto para essa chamada. 

Você acha que os goleiros já estão definidos para a Copa do Mundo? 

Tem um grupo de 6 goleiros que estão no nosso radar e que estão sendo observados. Como a Copa não será amanhã ainda temos tempo. Nesse tempo muita coisa pode acontecer. Mesmo os goleiros que não estão aqui como Vanderlei, Diego Alves e Werventon, eles têm que estar trabalhando bem esperando uma oportunidade, que pode acontecer.  

Você acredita que os goleiros estão no mesmo nível?  

Estão em nível altíssimo. Acho que o Alisson por ser o goleiro titular e já ter vestido bastante a camisa da seleção, talvez tenha essa confiança que coloca ele acima dos outros. Nos treinamentos são todos iguais.   

Ouça a 730
apple android
(62) 98400-1757