Atlético Goianiensebrasao-goias-3Vila Nova
appleandroidtwitterfacebookyoutubeinsta-bordaemail

Foto: Reuters
2017 11 30t004848z 1759222271 rc1a5e4747a0 rtrmadp 3 soccer libertadores lan gre lgpjphm
O Grêmio sagrou-se tricampeão (1983, 1995 e 2017) da Copa Libertadores na noite desta quarta-feira (29). O tricolor gaúcho venceu o Lanús, na Argentina, por 2 a 1 e conquistou a América. Esta foi a quinta final do time no torneio e seu terceiro título. O clube já havia vencido a primeira partida, em Porto Alegre, pelo placar de 1 a 0.

Apesar de ter a vantagem no placar, o Grêmio jogou como se precisasse buscar o resultado. De forma objetiva e tranquila, o tricolor conseguiu realizar uma partida ainda melhor do que jogou em casa na última semana. Fernandinho e Luan, com um golaço, marcaram em La Fortaleza na noite desta quarta. Cícero marcou na Arena no primeiro jogo. Grêmio foi o segundo time brasileiro a conquistar um título da Libertadores na Argentina. O outro foi o Santos.

Renato Gaúcho, sem dúvida nenhuma, foi o grande nome desta excelente campanha do Grêmio na Libertadores. Renato foi o primeiro brasileiro a se tornar campeão da Liberta como jogador e treinador defendendo a mesma camisa. Além disso, a forte personalidade e originalidade marcaram a campanha do comandante. Renato confiou em jogadores que muitos já desacreditavam, como Léo Moura e Cícero.

O tricolor gaúcho agora foca no Mundial de Clubes que acontece em dezembro em Abu Dhabi. O Grêmio, assim como o Real Madrid (campeão da Liga dos Campeões), já entra direto na fase semifinal e seu adversário será o vencedor do duelo entre Pachuca, do México, e Wydad Casablanca, do Marrocos.

Ouça a 730
apple android
(62) 98400-1757