Atlético Goianiensebrasao-goias-3Vila Nova
appleandroidtwitterfacebookyoutubeinsta-bordaemail

(Arte: Matheus Carvalho/Portal730)
whatsapp image 2018 01 14 at 16.57.39
Maior detentor de títulos do Campeonato Goiano, o Goiás chega, mais uma vez, como um dos grandes favoritos a levantar a taça pela 28ª vez em sua história. Campeão das últimas três edições, o time esmeraldino tem a oportunidade de conquistar mais um tetracampeonato seguido, feito que o clube conseguiu entre os anos de 1996 e 2000, quando o Verdão venceu cinco edições seguidas do Goianão.

Para começar a temporada 2018, o Goiás passou por reformulações no elenco, com a saída e a chegada de muitos jogadores. Apesar do título do Goianão em 2017, o ano do clube não foi positivo com a permanência na Série B, o que aumenta ainda mais a responsabilidade para esta temporada. A estreia oficial do esmeraldino no ano será na primeira rodada do Campenato Goiano, diante da Aparecidense dia 17 de janeiro, às 21h45, no Estádio Aníbal Batista de Toledo.

Opinião da 730: Briga pelo título 

Fala, diretoria!

dir goias tulio lustosaFormado nas categorias de base do Goiás e um dos ídolos do clube dentro de campo, Túlio Lustosa tenta agora fazer história fora das quatro linhas. Em 2018, Túlio Guerreiro - como era chamado na época de jogador -, vai para seu primeiro ano como gestor de futebol do clube e o seu primeiro desafio será justamente o Goianão, que para ele será muito disputado, já que os times do interior tiveram um tempo maior de preparação.

“Expectativa de um campeonato com bom nível técnico, mas com a dificuldade em relação aos outros times quando se fala de preparação. A pré-temporada dos times da capital foi muito curta, então a expectativa é que os times do interior estejam fortalecidos neste começo de campeonato e que o Goiás comece a ganhar conjunto no decorrer da competição”, explicou.

O papo do técnico

tec goias helio dos anjosSempre irreverente, o técnico Hélio dos Anjos tem inúmeras histórias no futebol goiano. O treinador começou sua história no Goiás, em 1995, e agora já está na sua sétima passagem como comandante do clube. Ao todo, foram cinco títulos estaduais (1999, 2000, 2009 e 2015), além da conquista do Campeonato Brasileiro da Série B em 1999 e a Copa Centro-Oeste de 2000. Com toda essa bagagem à frente do esmeraldino, ele não hesita em afirmar que é obrigação o Goiás vencer o Goianão 2018.

“Campeonato Goiano foi feito para ganhar. Respeito o Vila Nova, a Aparecidense, respeito demasiadamente o Atlético, respeito todas as equipes que vão disputar a competição, mas eu não posso apresentar meus jogadores e falar pra eles que o Goianão é qualquer coisa para o Goiás. O primeiro desafio do ano é o Campeonato Goiano? Temos que pensar em ganhar! E eu sei que o Atlético pensa assim, o Vila pensa assim, a Aparecidense tá querendo isso, o Itumbiara quer repetir 2008 (quando conquistou o título em cima do Goiás) e que as outras equipes pensam também. Mas não posso disputar o campeonato sem pensar única e exclusivamente em ganhá-lo. O Goiás vai buscar o tetracampeonato”, afirma Hélio.

Uma das feras

jog goias giovaniUma das contratações do Goiás para a temporada é também uma das apostas do clube principalmente para o campeonato goiano. Aos 23 anos e revelado pelo Corinthians, Giovanni chegou ao Goiás em 2018 após ter disputado a Série B de 2017 pelo Náutico. No esmeraldino, quer ganhar títulos, começando pelo campeonato estadual.

“Eu vim com o pensamento de vencer em tudo o que a gente disputar. Estou vestindo a camisa de um gigante e a partir do momento que entramos em campo sempre vamos pensar em ganhar e sermos campeões. Temos que ganhar tudo o que vamos disputar, seja Campeonato Goiano, Copa do Brasil ou Série B. Não só eu, como todo o grupo, estamos preparados para o estadual. Estou muito feliz, motivado e ansioso para que chegue logo o dia da nossa estreia”, destacou o meia.

Confira a tabela completa do Goianão 2018

Elenco

Goleiros: Marcelo Rangel, Marcos, Matheus e Paulo Henrique;
Zagueiros: David Duarte, Eduardo Brock, Raphael Silva e Fábio Sanches;
Laterais: Jefferson, Breno, Saavedra, Everton, Alex Silva e Caíque Sá;
Volantes: Victor Bolt, Pedro Bambu, Madison, Elyeser, João Afonso, Rezende e Péricles;
Meias: Giovanni, Rafinha, Léo Sena, Thalles, Liniker e Thiago Luis.
Atacantes: Michael, Junior Viçosa, Carlos Eduardo, Lucão, Ricardo Verza, Maranhão e Léo Teles;
Técnico: Hélio dos Anjos

Obs.: O Goiás ainda quer contratar mais um volante de marcação e espera resolver a situação do atacante Felipe Garcia, do Nagoya Grampus, do Japão.

Ficha Técnica

Nome: Goiás Esporte Clube
Fundação
: 6 de abril de 1943 (74 anos)
Presidente: Marcelo Almeida
Estádios: Hailé Pinheiro (Serrinha): 9.500 espectadores; Serra Dourada: 50.049 lugares; Olímpico: 12.055 torcedores.
Melhores campanhas: 27 títulos (1966, 1971, 1972, 1975, 1976, 1981, 1983, 1986, 1987, 1989, 1990, 1991, 1994, 1996, 1997, 1998, 1999, 2000, 2002, 2003, 2006, 2009, 2012, 2013, 2015, 2016 e 2017).
Em 2017: campeão

Ouça a 730
apple android
(62) 98400-1757