Atlético Goianiensebrasao-goias-3Vila Nova
appleandroidtwitterfacebookyoutubeinsta-bordaemail

Foto: Divulgação
marceloalmeida1
O jogo foi movimentado, mas não saiu do zero no placar. Vila Nova e Goiás se enfrentaram no Serra Dourada pelo returno da Série B na tarde deste sábado. O time esmeraldino precisava dos três pontos para respirar ainda mais na tabela, enquanto o Tigre queria o triunfo para seguir embolando o G-4. Mas foi apenas um ponto para cada lado e ambas as equipes insatisfeitas.

O Vila Nova criou mais oportunidades e levou mais chances claras ao gol, enquanto o Goiás não realizou nenhuma finalização nos 90 minutos. Entretanto, o presidente Marcelo Almeida não achou que o rival foi superior.

“De jeito nenhum, Vila Nova teve duas finalizações, tivemos nosso goleiro com sua competência para fazer gol. Tivemos nossas chances, mas um jogo muito bem jogado. Gostei muito do jogo, particularmente achei que pecamos nas nossas finalizações. Mas do meio para frente foi movimentado, jogo lá e cá e resultado normal para o jogo que foi”, afirmou.

O presidente também comentou sobre o fato da partida ter sido com torcida única. Ele lamentou, mas ressaltou que a PM fez um bom trabalho de segurança e lembrou do acordo que já está firmado entre os clubes (Vila e Goiás) e a justiça para que o Campeonato Goiano seja com torcida única.

“Não vai ser o Goiás ou o Vila que vai falar se será ou não torcida única. Foi feito um acordo que os próximos clássicos serão com torcida única a não ser que o Serra Passe por mudanças de segurança. Caso contrário temos que respeitar o acordo que fizemos na justiça”, finalizou.

Ouça a 730
apple android
(62) 98400-1757