Atlético Goianiensebrasao-goias-3Vila Nova
appleandroidtwitterfacebookyoutubeinsta-bordaemail

silvio1.divulgacaoO Goiás entra em campo contra o Paraná nesta quarta-feira (06), no estádio Serra Dourada, às 19h30. A partida será válida pela 23ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B. O duelo contará com o retorno do técnico Sílvio Criciúma, após saída de Argel Fucks o treinador volta a comandar a equipe esmeraldina. O técnico terá sua terceira passagem pela equipe titular neste ano. Ele pegará a equipe na 16 ª colocação com 25 pontos, um a mais que o primeiro da zona de rebaixamento.   

"Nós estamos buscando a melhor formação. Pode ter certeza que faltam dezesseis jogos e não sei se terá a oportunidade de repetir time, por suspensão lesão ou a procura de um sistema melhor e uma identificação de jogo independente do adversário. Nós precisamos a partir desse jogo contra o Paraná criar um segurança. Jogar bem é uma consequência", diz.  

O Tricolor ocupa a 5ª colocação com 34 pontos. A equipe busca a vitória para poder se aproximar do quarto colocado, que é o Ceará com 37 pontos. "O Paraná tem duas situações e é um time que cresceu muito na competição, que está próximo da quarta colocação em busca apenas de uma vitória. Passou por problemas graves, como a saída do treinador da forma que foi. Eles estão sem quatro atletas importantes para a forma de jogo deles. Nós temos que ter uma postura de inteligência para fazer o resultado e administrar bem a situação dentro de campo", ressalta.   

Com o terceiro cartão amarelo, Alex Alves está suspenso dando lugar a Fábio Sanches. Durante essas semanas, o jogador durante os treinos esteve como titular. Além de Fabio Sanches, Saavedra, Jean Carlos e Michael treinaram como titular.  

"O grupo no início da semana passada estava assustada, mas eu sabia que ia recuperar. No terceiro dia mostrou sinal de melhora. Na questão de formação eu fiz uma opção imitando o time que venceu a última partida comigo, que foi contra o Luverdense. Lá tínhamos o Thiago Luís, que conseguia chegar na área. Fiz opção pelo Aylon, por entender como um jogador mais inteligente e tecnicamente pode ajudar muito. Testei os três meias e entendi que o Sena foi o melhor", finaliza.   

Ouça a 730
apple android
(62) 98400-1757