Atlético Goianiensebrasao-goias-3Vila Nova
appleandroidtwitterfacebookyoutubeinsta-bordaemail

Foto: Rosiron / GEC
marcelo rangel rosiron gec
O Goiás venceu o CRB por 3 a 0 na noite deste sábado (29), no Estádio Serra Dourada. Andrezinho, Gamalho e Viçosa marcaram os gols que sacramentaram a vitória esmeraldina, mas a partida poderia ter sido um pouco mais complicada se não fosse o goleiro Marcelo Rangel. 

A muralha alviverde defendeu um pênalti cobrado por Neto Baiano já no segundo tempo, quando o Goiás ficou com um a menos (Fábio Sanches foi expulso). Rangel tem um aproveitamento excelente nesta temporada com cobranças de pênalti: em 12, defendeu sete. O goleirão comentou sobre seu desempenho e afirmou que havia estudado o atacante, que é o cobrador oficial do CRB, antes da partida. 

"Nunca quero que saia pênalti contra o Goiás, mas hoje saiu e pude defender a cobrança do Neto Baiano. Estava convicto que ele ia fazer aquilo, estudei algumas penalidades batidas por ele no campeonato, tanto que na hora que ele foi para a bola falei que ele ia bater no meio ou cruzado. Mas já estava convicto que ia para o meu lado direito. Espero até o final o batedor, não vou na sorte", afirmou. 

O técnico Argel Fucks comandou o time pela segunda vez e alcançou sua segunda vitória nesta Série B. O novo treinador já deixou claro que não pretende pedir reforços por agora para a diretoria, mas sim testar a capacidade do atual elenco esmeraldino. Rangel comentou sobre esta postura de Argel. 

"É uma postura de um cara vencedor, está confiando realmente no nosso trabalho. Chegou, tem trabalhado muito, com uma intensidade fantástica, todos os jogadores vem se entregando e os resultados apareceram nesses dois jogos. Quando você trabalha duro, automaticamente você ficar mais perto da vitória. Apenas coroamos o que foi feito durante a semana", finalizou. 

Ouça a 730
apple android
(62) 98400-1757