Atlético Goianiensebrasao-goias-3Vila Nova
appleandroidtwitterfacebookyoutubeinsta-bordaemail

Foto: Reprodução PFC
goiasxcrb
O Goiás venceu o CRB na tarde deste sábado (29), no Estádio Serra Dourada, por 3 a 0. O time esmeraldino alcançou sua segunda vitória consecutiva no campeonato sob o comando do novo treinador Argel Fucks. Os gols esmeraldinos foram marcados por Andrezinho, Gamalho e Júnior Viçosa. Além disso, Marcelo Rangel mais uma vez fez uma grande partida e defendeu outro pênalti (ele já havia defendido um na rodada passada contra o Ceará). 

Com os três pontos conquistados em casa, o Goiás se afasta ainda mais do Z4 e começa a mirar o G4 do Brasileiro Série B. O time esmeraldino está na 10ª colocação com 23 pontos, mas pode perder até duas posições até o fim da rodada (caso Criciúma vença o Náutico e o Boa Esporte derrote o Luverdense). Na próxima rodada, o Verdão encara o Internacional na terça-feira (01), no Beira Rio, às 21h30. 

A partida 

O primeiro tempo no Estádio Serra Dourada começou muito truncado no meio de campo e com bastante faltas. O Goiás jogou com três atacantes, mas não  conseguia ser ofensivo porque as peças de criação não correspondiam como o esperado. Andrezinho não conseguia criar pelo meio e nas laterais, Carlinhos e Tony estavam bem abaixo do esperado. A maioria das jogadas do Goiás eram pela direita com Tony. 

De tanto insitir por ali, o time esmeraldino chegou ao primeiro gol aos 29 minutos. Tony deixou a bola para Carlos Eduardo que dentro da pequena área cruzou rasteiro para Andrezinho apenas desviar para o gol. Após abrir o placar, o Goiás melhorou na partida e tomou conta da posse de bola. Aos 42 minutos Gamalho finalmente desencantou e marcou seu primeiro gol nesta Série B. 

No segundo tempo o CRB até tentou partir para cima para tentar dimunir a vantagem do Goiás, mas quem fez o gol logo aos 3 minutos foi o Verdão. Após cobrança de escanteio a bola sobrou para Viçosa que, em posição duvidosa, desviou para o fundo do gol de Edson. Quando o placar parecia estar sacramentado, o CRB resolveu passar um susto no torcedor. 

Aos 21 minutos, Fábio Sanches derrubou Neto Baiano dentro da área e o juiz marcou pênalti. O zagueirão já tinha amarelo e, ao levar o segundo, foi expulso. O próprio Neto Baiano foi para a cobrança, mas Rangel, mais uma vez, fez uma grande defesa e garantiu a goleada do Verdão em casa. 

Desencantou  

O atacante Léo Gamalho perdeu espaço sob o comando de Sílvio Criciúma, mas com a chegada de Argel Fucks o jogador voltou a ter oportunidade como titular. Na primeira partida, contra o Ceará fora de casa, Gamalho não marcou, mas no seu segundo jogo finalmente desencantou após 107 dias sem marcar (a última vez havia sido contra o Fluminense, no duelo de volta pela Copa do Brasil). Além dele, Viçosa foi outro que desencantou, o atacante também estava há mais de três meses sem marcar. Andrezinho também marcou e fez seu primeiro gol com a camisa esmeraldina.

Paredão esmeraldino 

Marcelo Rangel foi mais uma vez um dos melhores jogadores em campo do Goiás na partida deste sábado contra o CRB. O goleirão esmeraldino defendeu mais um pênalti (já havia defendido um contra o Ceará). Nesta temporada, Rangel já defendeu sete de doze pênaltis marcados contra o clube alviverde, marca realmente impressionante.

FICHA TÉCNICA             

Campeonato Brasileiro da Série B – 17ª rodada                  
Jogo: Goiás 3 x 0 CRB         
Data: 29/07/2017                   
Horário: 16h30 (de Brasília)                    
Estádio: Serra Dourada   

Cartões marelos:Elyeser
Cartão vermelho: Fábio Sanches

Gols: Andrezinho ((29'|1ºT); Gamalho (42'|1ºT) e  Viçosa (3'|2ºT)

Árbitro: José Woshington da Silva (PE)              
Assistentes: Ricardo Bezerra Chianca (PE) e Fabrício Leite Sales (PE)           
4º Árbitro: Jefferson Ferreira de Moraes (PE)  

GOIÁS: Marcelo Rangel; Tony, Fábio Sanches, Alex Alves e Carlinhos; Pedro Bambu, Elyeser e Andrezinho (Everton Sena); Carlos Eduardo, Léo Gamalho (Aylon) e Júnior Viçosa (Léo Sena). Técnico: Argel Fucks.  

CRB: Edson; Marcos Martins, Flávio Boaventura, Gabriel e Diogo; Yuri, Danilo Pires, Toni e Chico; Erick e Neto Baiano. Técnico: Dado Cavalcanti. 

Ouça a 730
apple android
(62) 98400-1757