Atlético Goianiensebrasao-goias-3Vila Nova
appleandroidtwitterfacebookyoutubeinsta-bordaemail

Foto: Reprodução/ Internet
goec
O Goiás foi até Recife nesta terça-feira (20), encarar o Náutico pela 9ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B. A bola rolou na Arena Pernambuco, estádio que foi construído para a Copa de Mundo de 2014, às 19h15 da noite. Os poucos torcedores que saíram de casa para ir até a Arena, viram uma partida com gol no primeiro minuto de jogo, pênalti defendido e cinco gols.

O Verdão abriu o placar com Carlos Eduardo ainda na primeira volta do relógio na Arena Pernambuco. Mas se engana quem pensa que a partida seria fácil para o time visitante, apesar de sofrer o gol, os donos da casa se impuseram na maior parte do tempo, e dificultaram a vida do Goiás que conseguiu a vitória de virada por 3 a 2 no final do segundo tempo.

Com o resultado, o Goiás avançou na tabela e subiu para a 4ª posição na classificação geral da Série B, e fica na zona de times que se classificam a elite do futebol brasileiro. O próximo confronto do Verdão vai ser contra seu maior rival, o Vila Nova. O Tigrão é 4º colocado na tabela, e também luta pelo G4. A bola vai rolar no sábado (24), no estádio Serra Dourada.

O jogo

A partida começou movimentada na Arena Pernambuco, em Recife. O Goiás abriu o placar no primeiro minuto de jogo, após jogada de Tiago Luiz na área, o goleiro Tiago Cardoso espalmou e Carlos Eduardo livre só teve o trabalho de empurrar a bola para o fundo da rede. Mesmo com o gol no início da partida, o Goiás não impôs seu ritmo de jogo, e o Náutico não conseguia responder as poucas investidas do Verdão.

Aos 25 minutos da primeira etapa o Timbu teve então a melhor chance do jogo, Léo Sena cometeu pênalti em Erick tentando parar o ataque o Náutico.  Gilmar cobrou, mas Marcelo Rangel fez a defesa e salvou o Verdão do empate. O pênalti motivou o Náutico que aos 27 finalizou com Feliphe Gabriel, mas a bola foi pra fora.

 E de tanto insistir, o Timbu conseguiu empatar a partida. Aos 38 minutos após confusão na área, Everton Sena tentou desviar a bola, mas acabou mandando contra o próprio patrimônio. O Goiás tentou responder com Tony que de dentro da área finalizou, mas sem sucesso. O Verdão foi para o vestiário empatando com o Náutico em 1 a 1, na Arena Pernambuco.

Os primeiros minutos da segunda etapa não foram muito diferentes dos primeiros 45, o Náutico dominava o jogo e o Goiás tentava algumas chegadas. Aos 15 minutos Tiago Luiz fez bom cruzamento pela direita, Alex Alves subiu mais alto que a defesa do Timbu, e virou para o Verdão. Após o gol, o Goiás conseguiu se organizar em campo e continha os ataques do Náutico.

Mas a organização do Goiás durou pouco, aos 31 minutos, o Náutico conseguiu o empate com Vinícius. Gerônimo se livrou da marcação na área e tocou para o atacante que mesmo caído no gramado, mandou para o fundo do gol de Marcelo Rangel. O Goiás tentava reagir e criava algumas jogadas em busca da virada. Aos 40 minutos, Jarlan que estava no banco de reservas mudou o rumo do Esmeraldino no jogo. Após bom passe de Michael, o garoto colocou o Goiás novamente na frente no placar.

O Verdão ainda teve outra chance aos 43 minutos da etapa final com Carlinhos que mandou uma bomba na trave do gol de Tiago Cardoso. Apesar do sufoco, o Goiás conseguiu vencer o Náutico na Arena Pernambuco e somar pontos na tabela. Com o resultado, o Esmeraldino conquistou uma vaga no G4, e ocupa a 4ª posição na tabela de classificação com 14 pontos. O próximo desafio do Goiás é no sábado diante do Vila Nova, no Serra Dourada. 

FICHA TÉCNICA    

Campeonato Brasileiro da Série B – 9ª rodada    

Jogo: Náutico 2 x 3 Goiás   

Data: 20/06/2017      

Horário: 19h15 (de Brasília)     

Estádio: Arena Pernambuco

Cidade: Recife

Árbitro: Emerson de Almeida Ferreira (MG)    

Assistentes: Ricardo Junio de Souza (MG) e

Felipe Alan Costa de Oliveira (MG)         

4º Árbitro: Gleydson Ferreira Leite (PE)    

GOIÁS: Marcelo Rangel; Tony, Everton Sena, Alex Alves e Carlinhos; Pedro Bambu, Victor Bolt, Léo Sena e Tiago Luís; Carlos Eduardo e Aylon. Técnico: Sílvio Criciúma. 

NÁUTICO: Tiago Cardoso; Joazi, Aislan, Feliphe Gabriel e Jeanderson; Renan Paulino, Amaral, João Ananias e Giovanni; Vinícius e Erick. Técnico: Levi Gomes.

Ouça a 730
apple android
(62) 98400-1757