Atlético Goianiensebrasao-goias-3Vila Nova
appleandroidtwitterfacebookyoutubeinsta-bordaemail

Foto: Assessoria Goiás
marcelo rangel ass gec
Após estrear no Campeonato Brasileiro da Série B com derrota para o Figueirense, em casa, o Goiás volta a campo nesta terça-feira (16), contra o Paraná, no Estádio Durival Britto, às 21h30. A pressão por conseguir um resultado positivo fora de casa aumentou depois da derrota na primeira rodada, principalmente por parte da torcida, que achou o time muito abaixo do que mostrou no Goianão. O goleiro Marcelo Rangel comentou sobre.

“Foi um jogo muito abaixo do que a gente vinha apresentando. O segundo tempo criamos oportunidades boas de gols, merecíamos o empate, mas infelizmente foi um dia ruim. Tenho certeza que o Goiás tem muito mais para apresentar. Toda estreia tem suas dificuldades, mas agora o campeonato já começou, está em aberto e vamos buscar mostrar a cara do Goiás dentro desta competição”, afirmou.

Rangel lamentou a derrota para o Figueirense, mas disse que com o resultado negativo logo no começo os erros podem ser corrigidos mais rápidos para o restante da competição. “Na Série B realmente não se pode perder pontos dentro de casa, faz uma diferença muito grande lá na frente. Mas ainda bem que essa derrota foi no começo, dá tempo de corrigir, pensar nos pontos que podemos melhorar dentro de casa”, disse.

Na temporada passada, Rangel disputou a Série B do Brasileiro com o Londrina e conhece bem o time do Paraná. O goleirão afirmou que as dificuldades serão muitas para o Goiás por conta do elenco rápido que o adversário possui, mas que o técnico Sérgio Soares passou instruções precisas para que o time esmeraldino consiga superar tudo isso.

“O Paraná fez um excelente campeonato paranaense, é uma equipe que vem entrosada, rápida do meio para frente. Esperamos encontra dificuldade lá, eles vão tentar nos pressionar, principalmente no começo, mas todos estão conscientes do que tem que fazer, neutralizá-los e impor nosso ritmo para conseguirmos nossa primeira vitória na competição”, declarou.

Ouça a 730
apple android
(62) 98400-1757