Atlético Goianiensebrasao-goias-3Vila Nova
appleandroidtwitterfacebookyoutubeinsta-bordaemail

Foto: Arthur Magalhães/Portal 730
bambu no estudio arthur mag
Uma das contratações do Goiás para esta temporada foi o volante Pedro Bambu, que veio do rival Atlético. O jogador rapidamente tomou conta da posição e assumiu a camisa 5 esmeraldina, sendo titular em todas as partidas deste ano. Bambu, que começou jogando mais uma vez, agora contra o Rio Verde, agradeceu o apoio do técnico Gilson Kleina, que vem o apoiando desde sua chegada. 

“No dia a dia estamos trabalhando para isso. O professor (Kleina) vem nos dando muito apoio, muita liberdade e com isso ganho confiança para chegar bem no ataque. Isso é muito bom pela variedade de jogadas que nós temos. Procuramos melhorar a cada dia e queremos continuar assim até o final do ano”, afirma. 

Muitos jogadores sofrem ao “virar a casaca” no estado de Goiás. É só trocar um rival pelo outro para o seu futebol cair. Mas, por enquanto, esse não foi o caso de Pedro Bambu, que definiu o grupo esmeraldino como principal fator pela sua liberdade neste inicio de temporada. 

“O acolhimento do grupo foi importante. Todo mundo me deu o maior apoio, além do professor me dar liberdade para fazer o que fiz no ano passado (pelo Atlético). Isso me deu muita confiança e estou conseguindo fazer meu trabalho dentro de campo. Espero render cada dia mais para dar alegria à torcida”, ressalta. 

Goiás e Atlético venceram na 2ª rodada do Goianão. Os clubes se enfrentam no Serra Dourada no próximo domingo (05). Será a primeira partida de Pedro Bambu contra seu ex clube, onde foi campeão brasileiro da Série B. O jogador se mostrou tranquilo e garantiu que o foco será nos treinamentos para enfrentar o Dragão. 

“Eu estou tranquilo. Já disputei vários clássicos! Vamos trabalhar forte essa semana pensando no Atlético. É um jogo diferente. Com fé em Deus vamos fazer um grande jogo nesse domingo”, conta. 

Ouça a 730
apple android
(62) 98400-1757