Atlético Goianiensebrasao-goias-3Vila Nova
appleandroidtwitterfacebookyoutubeinsta-bordaemail

Foto: Karina Azevedo / Portal 730
walter karinaazevedo
O Goiás se reapresentou na tarde desta quarta-feira (04) e deu início a sua pré-temporada. Até o momento, 11 reforços foram anunciados, mas somente oito estavam presentes no primeiro dia de trabalhos. Jean Carlos, Bolt e Helder se apresentarão no decorrer da semana. Quem deu a primeira entrevista em nome do grupo foi o atacante, e agora capitão do elenco, Walter, que sempre faz questão de ressaltar seu carinho pelo clube "Eu vim pra cá para ser campeão e subir o Goiás para a primeira divisão. Eu tenho um prazer imenso de jogar aqui, é um time que amo de paixão", disse. nbnbm

O jogador falou também das mudanças que aconteceram no clube do ano passado para este. Segundo ele, o Goiás não era uma família, e até citou o goleiro Márcio como exemplo, que chegou em um momento difícil do time e ninguém o abraçou.

"Vamos fazer um grupo de verdade, ano passado não tinha um, era jogador torcendo contra outro, isso todo mundo via. Esse ano o Gilson (Kleina) não vai deixar se repetir, eu, como líder e capitão do time, também não vou deixar que aconteça de novo. Além disso, a questão de horários também mudou, quem chegar atrasado vai pagar multa, ano passado o treino era 9h30 e tinha jogador chegando 9h20 e ainda ia tomar café. Tinha muita coisa errada e esse ano, tudo está diferente, é isso que dá resultado, pode ter certeza, tem que ter regras", declarou.

Walter não teve receio ao falar que voltou com 8 quilos a mais das férias, mas que já vai começar a trabalhar forte para perde-los e voltar ao mesmo peso que encerrou a temporada passada. Sobre sua estreia, o atacante disse ser difícil dar uma posição de quando isto vai acontecer, porque quer voltar com força total e ajudar o time com seu melhor.

"É um pouco difícil, eu tenho que estar bem de verdade, eu só vou jogar quando estiver 100% . Peço para o torcedor ter um pouco de calma, quero estrear o mais rápido possível, mas somente quando tiver certeza que estou bem para ajudar o Goiás com o meu máximo", afirmou.

Logo de cara, Walter irá alcançar dois recordes: faltam dois gols para completar 50 pelo Goiás e somente um para chegar a marca de 100 gols na sua carreira. Sobre os novos reforços, o atacante afirmou ter gostado das contratações e que o Harlei está de parabéns, que são jogadores de qualidade.

O atacante também afirmou que desta vez eles irão se sentir em casa, porque o Goiás vai formar uma família e abraçar todas as caras novas que estão chegando.

O Goiás estreia no Goianão dia 29 de janeiro, contra a Aparecidense.

Ouça a 730
apple android
(62) 98400-1757