Atlético Goianiensebrasao-goias-3Vila Nova
appleandroidtwitterfacebookyoutubeinsta-bordaemail


Foto: Divulgação
serra dourada divulgacao
Em reunião na 3° Vara da Fazenda Pública Estadual, na tarde desta sexta-feira (29), os envolvidos sobre o requerimento do Ministério Público para que o clássico do returno entre Vila Nova e Goiás seja com torcida única, se reuniram para entrarem em um acordo. Como o Goiás se sente prejudicado caso seja com torcida única, e o Vila Nova não aceita ser com portões fechados, a situação segue indefinida. O juiz Élcio Vicente da Silva definirá a questão até semana que vem.

O que ficou definido mesmo é que a partir do Campeonato Goiano de 2018 todos os clássicos serão com torcida única (a do mandante), até que o Serra Dourada receba as medidas de segurança necessárias, como o reconhecimento facial. O acordo foi firmado entre as pates envolvidas: Vila Nova, Goiás, AGETOP (responsável pelo estádio), Plícia Militar e a Federação Goiana.

 A Polícia Militar afirmou não conseguir garantir a segurança das duas torcidas no Serra Dourada, e por isso é favorável a decisão com torcida única. A Federação Goiana, representada pelo presidente André Pitta, afirmou que se preocupa com a repercussão na torcida esmeraldina caso fique definido o clássico com torcida única e que isso possar ser um agravante para possíveis brigas fora do estádio. A AGETOP destacou que o Serra está com todos os alvarás em dia e está apto para receber as duas torcidas, mas que respeitará a decisão que for tomada.

Ouça a 730
apple android
(62) 98400-1757