Atlético Goianiensebrasao-goias-3Vila Nova
appleandroidtwitterfacebookyoutubeinsta-bordaemail

Foto: Reprodução / PFC
briga.reproducao.pfc1
Nesta quinta-feira (13) o Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) negou o pedido para suspensão da pena ao Goiás e Vila Nova, por conta das brigas entre as torcidas no último dia 24 de junho. O clássico marcava a 10ª rodada da Série B e contou com agressões entre ambas as torcidas.  

Na primeira decisão, o STJD havia retirado o mando de campo das equipes nas próximas cinco rodadas. Os clubes goianos poderiam somente sediar suas partidas fora da capital. Em relação a multa, o Goiás e Vila Nova deveriam pagar 50 mil reais.    

Nova decisão  

Após mais de uma hora de julgamento houve algumas alterações nas punições dada aos clubes. O Goiás cumprirá cinco jogos com portões fechados e terá que arcar com uma multa de R$40 mil. O Vila Nova sediará quatro mandos de campo com portões fechados e pagará multa de R$30 mil. Com a decisão tomada, a Rádio 730 entrevistou os advogados dos dois clubes para e seus posicionamentos em relação ao julgamento.  

Goiás 

" Ficamos muito prejudicados. Ele foi completamente adverso do que nós esperávamos. Na verdade, tínhamos como certo a redução nas partidas de perdas de mando de campo. A manutenção de cinco partidas realmente foi algo adverso que o clube não esperava. Infelizmente é uma decisão que não concordamos, mas temos que cumprir. Independentemente de ser portões fechado ou fora de casa, o prejuízo para o clube é enorme financeiramente. Além de perdemos os nossos bons torcedores", ressalta Doutor João Vicente.   

Na próxima o terça-feira (18) o Goiás já não contará com a sua torcida. O jogo será contra o Londrina às 20h30.  

Jogos sem torcidas:  

Goiás X Londrina - Terça-feira (18/07) 
Goiás X CRB- Sábado (29/07) 
Goiás X Oeste- Sexta-feira (04/08) 
Goiás X América-MG- Sábado (19/08) 
Goiás X Paraná - Sábado (09/09) 

Vila Nova   

 "É um prejuízo interno, pelo fato de nossa equipe está jogando bem na competição e um prejuízo financeiro, por conta das vendas de ingresso e aplicação de multa. O prejuízo maior é para o torcedor de bem que não poderá assistir sua equipe que está no G-4 da competição. Isso é algo que lamentamos muito, mas esse foi o entendimento do tribunal. Discordamos totalmente em relação a esse patamar que foi aplicado, mas é uma decisão e temos que cumprir", comenta Doutora Neiliana Fraga   

O próximo jogo do Vila Nova será contra o Paysandu, no Estádio JK, em Itumbiara no próximo sábado (15). Como já haviam marcado o local do jogo antes da decisão o clube não irá alterar.  

Jogos sem torcida:  

Vila Nova X Paysandu- Sábado (15/07)  
Vila Nova X Internacional- Sábado (22/07) 
Vila Nova X Náutico- Terça-feira (01/08) 
Vila Nova X Boa Esporte- Sábado (12/08)  
Vila Nova X ABC- Sábado (26/08)  

Ouça a 730
apple android
(62) 98400-1757